anitta
A cantora carioca Anitta (FOTO: Reprodução)

A estrela pop Anitta despontou em meio a crise do coronavírus, como a voz artística mais relevante do cenário nacional. Nesta quinta-feira (dia 8), depois de muito silêncio por parte da ministra da cultura Regina Duarte, a ex-atriz decidiu dar uma polêmica entrevista nesta quinta-feira (7) para o canal CNN Brasil e parou o Brasil com algumas de suas declarações. Diversos artistas se posicionaram contra as declarações e se pronunciaram na web, dentre eles: Anitta, Bruno Gagliasso e vários outros.

Em um momento, Regina falava relaxada sobre as mortes, comparando com os óbitos nos tempos de ditadura militar. “E daí? Na humanidade, não para de morrer. Se você falar vida, do lado sempre tem morte […] Sempre houve tortura, sempre teve morte. Meu Deus do céu, Stalin”, disparou.

No discurso crítico da cantora sobre a atriz, ela lamentou o atual momento em que o mundo está passando com o isolamento social recomendado pelas autoridades diante da pandemia do coronavírus.

VEJA TAMBÉM: Anitta é criticada após se gabar de ser rica durante crise do coronavírus

“Não vejo muito motivo para celebrar e comemorar neste momento. Infelizmente não é um aniversário que eu gostaria de estar passando (…) Espero que tudo fique melhor para que a gente possa celebrar a vida. E que acabe logo tudo isso”, disse Anitta.

Vejo que a senhora me segue aqui no Instagram e gostaria de dizer algo como cidadã. Assisti sua entrevista na CNN e já vi em alguns lugares que nao foi combinado uma entrevista ao vivo etc e etc, mas, falando como artista que já passou por isso algumas vezes (se é que realmente foi isso), acho que haveria mil outras formas de se pronunciar sem ser grosseira com os demais. Uma pessoa que aceita assumir a secretaria de cultura está aceitando trabalhar para o povo, isso significaria escutar TAMBÉM os lados que pensam diferente da senhora e colocar sua posição sobre a questão. Se recusar a ouvir uma opinião contrária logo depois de enaltecer os tempos de ditadura me causa muito medo. Até porque eu e muitos dos meus amigos seríamos os primeiros censurados caso esse regime voltasse ao Brasil e nós continuássemos no exercício do nosso trabalho”, criticou Anitta.

Ainda nesta semana, artistas influentes do mercado nacional comemoraram a decisão de parlamentar Felipe Carreras, em revogar uma emenda que iria acarretar indiretamente numa redução do salários dos músicos. Após um debate quente e grande pressão da cantora e de outros artistas, o político do PSB voltou atrás na sua decisão.

Alçada a condição de estrela latina na indústria musical hispânica, a cantora passou por inúmeras modificações na vida, na carreira e também esteticamente. Confira alguns registros raros de Anitta antes da fama e também ao longo desses quase 10 anos de carreira.