Squid Game: por que a música clássica está na trilha sonora da série da Netflix?

Publicado em 12/11/2021 19:08
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O novo show de terror (pelo menos para mim), líder das paradas da Netflix, ‘Squid Game’, também chamado de ´Round 6´, está repleto de música clássica. A trilha sonora arrepiante que assume um significado totalmente novo graças ao enredo desse drama de sobrevivência sul-coreano, um tipo de reality show sangrento.

O Squid Game estourou no streaming e se tornou um fenômeno da cultura pop e da internet no final de setembro de 2021, em uma explosão de sangue, choque e mistério. Mas o que o público provavelmente não esperava, era o aparecimento de algumas das obras mais conhecidas da música clássica como parte desse intrigante enredo. Mas afinal, por que música clássica?

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Enredo

Squid Game conta a história de um grupo de competidores que tem a chance de ganhar ₩ 45,6 bilhões (algo como 30 milhões de euros) para disputarem entre si jogos de playground infantis. Qual é a pegadinha então? É que se você perder, você morre.

Cada competidor optou por competir nos jogos porque estão com dívidas severas, dando-lhes o incentivo para arriscar tudo pela grana. Com exceção da parte que as pessoas morrem, se parece com qualquer programa de domingo da TV brasileira ou com o BBB, nao é mesmo? Já dizia o nome do saudoso programa de Silvio Santos: Topa Tudo por Dinheiro.

Quem compôs as músicas de Squid Game/Round 6?

O compositor sul-coreano Jung Jae-il foi o encarregado de escolher e compor a música para a série. Jung liderou uma carreira prolífica na indústria da música e é mais famoso no mundo da composição por escrever as trilhas sonoras de dois dos maiores filmes da Coreia do Sul, Parasite (2019), vencedor do Oscar, e Okja (2017), ambos dirigidos por Bong Joon -ho.

O primeiro impacto do público com a série é ao ouvir a penetrante faixa ‘Way Back Then’ introduzindo a apresentação da série. ‘Way Back Then’ é um dos muitos temas musicais que voltam para enfatizar a ação em Squid Game ao longo da série. Esta faixa é notável por sua textura simples, usando apenas gravador e percussão no início da peça. A faixa completa 2:31 apresentada na trilha sonora envolve outros instrumentos que se juntam a uma melodia uníssono.

Outra peça conhecida é ‘Pink Soldiers’, que na trilha sonora é creditada a um artista chamado 23. A sinistra melodia vocal ressalta os Pink Soldiers, que estão presentes como uma espécie de polícia durante os jogos.

Músicas clássicas em Squid Game/Round 6

A música clássica acaba por desempenhar um papel inusitado na trama. Contudo, este enredo sangrento é sublinhado por algumas peças familiares do mundo da música clássica, e depois de assistir a este show, você nunca mais ouvirá essas obras da mesma maneira. Aqui está tudo o que você precisa saber sobre as peças de música clássica usadas na trilha sonora de Squid Game.

Concerto para trompete de Haydn

Meia hora após o início do primeiro episódio, os jogadores são acordados pelo terceiro e último movimento do Concerto para Trompete de Haydn em Mi bemol maior.

Esta peça se torna um tema arrepiante ao longo do resto da série, atraindo a atenção dos competidores em pontos críticos e trazendo uma sensação de desconforto para os jogadores e para o público.

O concerto foi composto em 1796 para o amigo de Haydn, o virtuoso do trompete, Anton Weidinger.

A peça foi o último grande trabalho orquestral de Haydn, o que fica claro pela maturidade e experiência que ele traz para a composição.

É possível que o Squid Game tenha escolhido esta peça devido ao estilo virtuosístico de fanfarra do movimento.

Com fanfarras frequentemente utilizadas para anunciar figuras importantes, cerimônias de abertura como as Olimpíadas e para soar o início de uma guerra, esta obra é uma escolha adequada para um show que combina os três temas.

Strauss ‘By The Beautiful Blue Danube

O An der schönen de Johann Strauss II, baluen Donau, também conhecido como valsa do Danúbio Azul, era originalmente uma obra coral, apesar de o arranjo mais popular ser para orquestra.

Strauss foi contratado para escrever a peça para a Sociedade Coral Masculina de Viena em 1866, a fim de levantar o ânimo do povo de Viena, devido à vitória da Prússia na guerra austro-prussiana, naquele mesmo ano.

Da mesma forma que a guerra, o Squid Game tem muitas fatalidades, com quase metade de todos os jogadores mortos no primeiro episódio.

A escolha inteligente de The Blue Danube como um sublinhado para eventos antes e depois dos jogos alude à ideia de que os criadores de jogos estão tentando levantar o ânimo dos jogadores, que, como o povo de Viena em 1866, também testemunharam perdas trágicas.

Serenata para cordas de Tchaikovsky

Tchaikovsky compôs sua Serenata para Cordas em Dó maior a partir de sua “convicção interna”.

“É uma peça sincera e, portanto, ouso pensar, não falta qualidades reais”, disse Tchaikovsky à sua patrona Nadezhda von Meck em uma carta sobre a obra.

O Squid Game utiliza a valsa, o segundo movimento, para marcar o final do segundo jogo, e a deliberação envolvida na formação dos times para o terceiro.

A valsa é freqüentemente executada separadamente do trabalho de aproximadamente meia hora, pois ganhou popularidade como uma peça por direito próprio. Em sua estreia, o movimento teve que ser repetido. O ex-professor de Tchaikovsky, Anton Rubinstein, declarou que esta é a melhor peça de Tchaikovsky.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio