ferrugem
O cantor Ferrugem (FOTO: Reprodução)

Ferrugem está prestes a lançar seu próximo álbum, intitulado ‘Abre Alas‘ e aproveitou para conceder uma entrevista ao Observatório de Música.

Além do novo álbum, o artista falou sobre sua perda de peso, relação com os filhos, pandemia e a desistência de sua participação na ‘Dança dos Famosos’.

VEJA TAMBÉM: Após um ano de noivado, Lucas Lucco se casa em cerimônia intima

1 – Qual foi seu maior incentivo para perder tanto peso? Qual foi a reação de suas filhas ao te ver mais magro?
Ferrugem: A saúde e bem estar, inclusive para fazer música são incríveis. Elas acompanharam todo processo, então não tem esse choque. Hoje estou ainda mais disposto para fazer shows e apresentar minhas músicas, especialmente meu novo single, Tristinha.

2 – Sobre a Dança dos Famosos, recentemente você disse que desistiu de participar, você acha que teria chances de ganhar? Ou neste momento você não teria tempo para focar tanto na dança?
Ferrugem: Dançar é um desafio, mas neste momento meu foco é mostrar ao público todo esse trabalho que venho preparando com muito amor a eles.

3 – O que podemos esperar para o seu próximo álbum? Muitas parcerias ou será uma coisa bem Ferrugem?
Ferrugem: Será algo bem Ferrugem mesmo (risos), e o título é “Abre Alas”, música consagrada do mestre Ivan Lins que tive a honra de poder regravar. Tristinha é apenas um ponta pé inicial desse projeto novo. O bacana é que será um álbum visual, ou seja, todas faixas terão vídeos.

Ferrugem
O pagodeiro Ferrugem (FOTO: Washington Possato)

4 – Nesta sexta você lança “Tristinha”, você acha que vai fazer tanto sucesso com os fãs quanto suas músicas do último álbum? Quais suas perspectivas pro lançamento?
Ferrugem: Não faço música pensando em hit, mas sim em falar do meu coração pro coração do meu público. Essa troca que rola entre a gente através da música é o que faz tudo valer a pena. Tristinha é um single que entrego como presente ao meu público que sempre me pedia material inédito.

5 – Como você se vê pós pandemia, os planejamentos para sua carreira? Você acha que este momento de isolamento serviu para algo? Você se sente mais evoluido e pronto pra encarar a vida?
Ferrugem: Olha, eu fiz muita música nessa quarentena, além de trabalhar como produtor musical. Esse período de isolamento também curti minha família. Mas confesso que não vejo a hora de reencontrar meus fãs nos shows pelo Brasil. Sinto falta desse contato com eles.

(Louise Barbosa)