jerry smith
O cantor baiano Jerry Smith (FOTO: Reprodução)

Durante a quarentena, Jerry Smith acabou rendendo polêmica na região de sua casa de praia, em Peruíbe (SP), no sábado (dia 28), após dar uma festa e acabar exagerando no volume do som.

Nos Stories do Instagram, o músico desabafou sobre situação e confessou: “Quase não venho aqui na minha casa. Quando eu venho, recebo uma multa de mais de mil reais só porque o som estava alto”.

VEJA TAMBÉM: Paulo Gustavo, Léo Santana e Marrone aparecem dançando em “Reladinha”, novo clipe de Jerry Smith

A seguir, o cantor reclamou do tratamento dado pelas autoridades envolvidas no caso: “Já chegaram empurrando com tudo. Não deram advertência nenhuma. Quando a gente foi falar, ‘ordem da prefeitura’”.

“Agora, quando é pra prefeitura asfaltar, fazer sua parte, não faz. Quando é pra dar multa nos outros, fica fácil. Nem chegaram a pedir para abaixar o som. Se pedissem, eu iria abaixar e não iria aumentar mais”, reclamou.

(FOTO: Reprodução)

“Até pelo horário e respeito aos profissionais da fiscalização. Lá no ABC, em Diadema, onde eu moro, a galera chega antes e dá uma advertência… Ninguém tem dó de ninguém”, afirmou.

Ao fim do desabafo, o parceiro de Pabllo Vittar no hit “Clima Quente” admitiu ter pago a multa, porém deixou registrada sua revolta: “Graças a Deus eu tenho uma condição. Imagina se fosse alguém que não tem, ter que pagar uma multa em plena crise de coronavírus”.

“Todo mundo sem trabalhar, principalmente as pessoas que são autônomas… o que me deixa chateado é que falaram que estava tendo fiscalização, porque ninguém entra se não for morador, mas nem isso tinha”, acrescentou.