Abusos, fortuna e suicídio; toda a verdade por trás do macaco de Michael Jackson

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Michael Jackson e seu chipanzé Bubbles viveram uma história de amizade e parceria por muitos anos, até a morte do cantor. O animal está vivo até hoje, saudável e recebe apoio do Espólio de Michael. Ao longo dos anos, os tabloides americanos geraram notícias e levantaram polêmicas em torno do envolvimento do cantor com o animal.

Bubbles é cuidado por uma equipe do Centro de Grandes Primatas desde 2005. Após a morte de Michael Jackson em 2009, o centro de repente recebeu mais de 100 pedidos para fotografar ou filmar o animal. A política do centro é sempre escolher o que é melhor para os macacos, proporcionando um ambiente estável, de modo que quase todas as solicitações de mídia fossem recusadas.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

VEJA TAMBÉM: Gusttavo Lima bebe demais e revela que passa horas “chupando periquita” da esposa

Bubbles chegou ao santuário em excelente estado de saúde e com comportamentos normais com outros chimpanzés. Ele é um membro comum em seu grupo com outros seis chimpanzés. Grandes Primatas afirmam que o macaco não tem nenhuma evidência de negligência ou abusos. “Ele gosta genuinamente das pessoas, assim como todos os outros chimpanzés”.

O santuário relata
que as seguintes declarações que foram feitas na mídia e pelos sites são 100%
falsas:

1. “… os guardiões evitam qualquer lembrança sobre o rancho Neverland. A co-fundadora do Centro, Patti Ragan, disse que os trabalhadores nunca mostram fotos de Jackson para Bubbles, isso deixaria irritado e deprimido”. Radar Online (10 de março de 2019)

O centro afirmou que essa informação é fake news. Disseram que Bubbles viu fotos de Michael Jackson, assim como vídeos. Que ele nunca se incomodou e nenhum cuidador ou funcionário do escritório do Centro para Grandes Primatas conversou com repórteres sobre o Bubbles.

2. “Bubbles já tentou suicídio …” (The Times of India)

Em declaração,
o santuário disse: “Não há absolutamente nenhuma verdade nesta declaração, e é
simplesmente ridícula”.

3. “Bubbles é o macaco mais rico do mundo porque Michael Jackson deixou US $ 2 milhões em seu testamento.” (Fox News, âncora Bill O’Reilly 2010)

Bubbles
chegou ao centro através de um acordo assinado por um integrante da família
Jackson, comprometendo-se a cobrir seus gastos anuais de tratamento. Dos 14
anos que a Bubbles vive no Centro para Grandes Primatas, a MJJ Productions e o
Espólio de Michael Jackson honraram este acordo e enviaram fundos para nos
ajudar a cuidar da Bubbles. Além disso, o Espólio de Michael Jackson ofereceu
um grandioso presente para ajudar na reforma do santuário.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio