Acusado de abuso sexual infantil, R. Kelly quase foi esfaqueado na prisão

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Steve Greenberg, advogado de R. Kelly, afirmou que o cantor quase foi esfaqueado por um colega de prisão na Metropolitan Correctional Center em Nova York.

Aproveitando o fato, o advogado ainda pediu ao tribunal que libertasse seu cliente sob fiança, explicando que o prisioneiro “violento” entrou sorrateiramente quando o cantor estava dormindo e começou a pisar em sua cabeça repetidamente.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

VEJA TAMBÉM: Climão: MC Rebecca revela que foi ignorada por Normani e pegou Anitta

Greenberg disse: “Este é um presidiário que nunca deveria estar perto do Sr. Kelly, um indivíduo que é acusado do mais violento dos crimes e que claramente não respeita as regras”.

R. Kelly está atrás das grades aguardando julgamento por uma série de acusações de abuso sexual infantil.

O cantor é dono de diversos hits como ‘I Believe I Can Fly’, ‘She’s Got that Vibe’, ‘When A Woman Loves’, além de participações marcantes em músicas de Lady Gaga, Justin Bieber, Snoop Dogg e Jay Z.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio