Michael Bublé
O cantor canadense Michael Bublé (FOTO: Reprodução)

A esposa do cantor Michael Bublé afirmou que o músico recebeu ameaças de morte devido ao controverso vídeo onde ele aparece dando lhe uma cotovelada – o que o casal diz ser um gesto de brincadeira. Mesmo assim, alguns fãs viram um sinal de “abuso” e suposta agressão.

“Você não acreditaria na quantidade de pessoas que me enviaram fotos com armas dizendo que matariam Mike quando ele chegasse à Argentina”, disse Luisana Lopilato, 32 anos, em entrevista ao programa de TV Intrusos na Argentina. Ela disse que as imagens incluíam “facas” e “pessoas rindo e dizendo que iam cortar os dedos dele, deixar uma bomba para nós ou dar-lhe uma surra”.

Vídeo de Michael Bublé dando cotovelada em esposa viraliza e fãs acusam de violência doméstica (Foto: reprodução/instagram)
Vídeo de Michael Bublé dando cotovelada em esposa viraliza e fãs acusam de violência doméstica (Foto: reprodução/instagram)

O vídeo, postado no mês passado no Instagram, mostrou Bublé, 44 anos, cutucando sua esposa com o cotovelo e agarrando o braço dela. Outros também compartilharam um clipe separado do Instagram Live, no qual Bublé pode ser ouvido dizendo à esposa: “Eu vou te matar”. Alguns fãs que pensaram que o comportamento parecia excessivamente agressivo saíram em defesa da mãe dos três. Lopilato negou qualquer abuso no relacionamento e defendeu ferozmente Bublé em resposta à reação. “Quero que você saiba que não tenho dúvidas de quem é meu marido e eu o escolheria mil vezes mais !! Não é justo!” ela disse em abril. “Felizmente, não estou sofrendo.”

VEJA TAMBÉM: Elton John afirma que Michael Jackson era um “doente mental” nos últimos anos de vida