Adele apoia movimento Free Britney: “Muito feliz por ela”

Cantora revelou sua opinião sobre o assunto e elogiou Spears

Publicado em 10/10/2021 13:57
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Adele decidiu demonstrar seu apoio à Britney Spears neste sábado (9). A cantora britânica promoveu sua primeira live no Instagram e falou que está “muito feliz” pela cantora de “Gimme More” após recente vitória nos tribunais.

Adele se prepara para lançar o primeiro single de seu novo álbum na próxima sexta-feira (15). Na live, a cantora mostrou um trechinho da música e respondeu perguntas dos fãs.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Em determinado momento, ela foi questionada se é apoiadora do ‘Free Britney’, movimento que pede a liberdade de Britney Spears.

“É claro que eu apoio o Free Britney. Eu amo Britney. Eu a encontrei algumas vezes. Eu absolutamente a adoro. Estou muito feliz por ela”, respondeu.

Na última semana, vale lembrar, o pai de Britney, Jamie Spears, foi suspenso do cargo de tutor. A decisão da Justiça de Los Angeles abre caminho para encerrar definitivamente a tutela.

Adele se abre sobre fim do casamento: “Não estava feliz”

Adele abriu o coração e falou sobre o fim de seu casamento com o empresário Simon Konecki. A cantora, que é capa da Vogue dos EUA e do Reino Unido, revelou como o filho de 8 anos do ex-casal, Angelo, lidou com sua decisão de se divorciar.

Para a reportagem britânica, a cantora desabafou: “Minha ansiedade era tão terrível que esquecia o que disse ou não disse a Angelo sobre a separação. Obviamente Simon e eu nunca brigamos por ele ou algo assim. Angelo disse, ‘Eu não entendi’. Eu também não entendo. Existem regras que são feitas na sociedade sobre o que acontece e não acontece no casamento e depois do casamento, mas eu sou uma pessoa muito complexa. Sempre disse a ele como me sinto desde muito jovem, porque me senti bastante esgotada como adulta.”

De acordo com a cantora, seu próximo álbum foi escrito para o seu filho, que tem muitos questionamentos sobre o divórcio. “Meu filho tem muitas perguntas. Perguntas realmente boas, perguntas realmente inocentes, para as quais eu simplesmente não tenho uma resposta“, disse.

Eu apenas senti que queria explicar a ele, por meio deste álbum, quando ele estiver na casa dos vinte ou trinta anos, quem eu fui e por que escolhi voluntariamente desmantelar toda a sua vida em busca da minha própria felicidade. Isso o deixava muito infeliz às vezes. E essa é uma ferida real para mim que não sei se algum dia serei capaz de curar“, completou.

Já para a revista norte-americana, ela falou sobre a decisão de colocar fim ao casamento com Simon. “Eu estava apenas fazendo o que devia e não estava feliz”, ela disse sobre a época antes do divórcio. “Nenhum de nós fez nada de errado. Nenhum de nós machucou um ao outro ou algo do tipo. Foi apenas: eu quero que meu filho me veja realmente amar e ser amada. É muito importante pra mim”.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio