Adiar alistamento do BTS é de interesse nacional, diz militar sul-coreano

Publicado em 16/7/2021
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

De acordo com uma recente emenda à Lei do Serviço Militar da Coreia do Sul, os sete membros do BTS  podem adiar o serviço militar. Um oficial militar sul-coreano acredita que dar ao grupo essa opção é de interesse nacional do país. As informações são do site Koreaboo.

A emenda entrou em vigor em 23 de junho de 2021 e permite que os homens sul-coreanos que foram reconhecidos por suas realizações artísticas ou atléticas adiem o serviço militar obrigatório até os 30 anos de idade.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Para adiar o serviço militar de acordo com a nova emenda, os ídolos do K-Pop devem receber méritos culturais do Ministério da Cultura, Esporte e Turismo.

Normalmente, apenas músicos com mais de 15 anos no setor podem receber méritos culturais. No entanto, o BTS foi premiado com a Ordem do Mérito Cultural em 2018, apenas 5 anos após sua estreia, sendo reconhecidos por seus esforços em espalhar a cultura e a língua coreanas por todo o mundo.

BTS recebeu a Ordem do Mérito Cultural em 2018 (FOTO: Reprodução)

Um artigo da UPI afirmou que Jung Seok Hwan, chefe da Administração de Força de Trabalho Militar, compartilhou o posicionamento oficial dos militares com um jornal sul-coreano. Para o veículo, ele disse que a decisão de dar aos destinatários da Ordem do Mérito Cultural a oportunidade de adiar o serviço militar foi feita para “minimizar a controvérsia sobre o tratamento preferencial”.

Jung Seok Hwan afirmou ainda que o adiamento do serviço militar pelo BTS seria do interesse do país porque “aumentaria o valor da marca nacional”.

BTS se abre sobre a chegada do serviço militar

Em conversa com a Rolling Stone, BTS falou sobre o serviço militar. Mesmo até o momento não precisando se alistar, os meninos fazem questão de servir. “Um artista da cultura pop que foi recomendado pelo Ministro da Cultura, Esportes e Turismo para melhorar muito a imagem da Coreia dentro a nação e em todo o mundo. É um dever importante para o nosso país. Portanto, sinto que tentarei trabalhar o máximo que puder e fazer o máximo que puder até ser chamado”, diz Jin.

VEJA MAIS: Pelados? Estrela do cinema revela ter nadado nua com Michael Jackson

“Acho que o país meio que me disse:‘ Você está fazendo isso bem e vamos lhe dar um pouco mais de tempo’”, diz Jin. Ele também acrescentou que o serviço militar “é um dever importante para o nosso país. Portanto, sinto que tentarei trabalhar o máximo que puder e fazer o máximo que puder até ser chamado. ”. O astro afirma que ficará triste por se afastar do grupo, mas acompanhará tudo pela internet e ficará torcendo pelos meninos.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio