Advogado do pai de Britney Spears fala sobre saída do seu cliente da tutela

A nova audiência para tirar de vez a tutela da cantora, acontecerá dia 12 de novembro

Publicado em 30/09/2021 10:53
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O advogado de Jamie Spears acredita que a decisão de tirá-lo da tutoria da filha de Britney Spears é uma “perda” para a estrela pop. Em um comunicado após a decisão bombástica de quarta-feira, a advogada do pai, Vivian L. Thoreen, disse que continuará a “zelar pelos melhores interesses de sua filha”, apesar de sua suspensão.

“Sr. Spears ama sua filha Britney incondicionalmente. Por treze anos, ele tentou fazer o que era melhor para ela, seja como tutor ou como pai”, começou a declaração de Thoreen. “Isso começou com a concordância em servir como seu tutor quando ela voluntariamente entrou na tutela.”

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Os advogados de Jamie disseram que ele era responsável por “ajudá-la a reviver sua carreira e restabelecer um relacionamento com seus filhos”, Jayden e Sean Preston.

“Para qualquer pessoa que tentou ajudar um membro da família a lidar com problemas de saúde mental, eles podem apreciar a enorme quantidade de preocupação diária e trabalho que isso exige.”

Thoreen disse que o “trabalho e preocupação” inclui Jamie tendo que morder a língua para não responder a “todos os ataques falsos, especulativos e infundados a ele” pelo público ou “o próprio advogado de Britney”.

O advogado de Jamie classificou o resultado da audiência de quarta-feira como “ainda mais decepcionante e, francamente, uma perda para Britney” e afirmou que era “errado” o tribunal suspender Jamie.

“Apesar da suspensão, o Sr. Spears continuará a zelar pelos melhores interesses de sua filha e a trabalhar de boa fé para uma resolução positiva de todas as questões”, concluiu o comunicado de Thoreen.

Britney Spears acusa pai de “tentar escapar da justiça”

Britney Spears acusa seu pai de “tentar escapar da justiça” pouco antes de descobrir se ele será removido de sua vida. O advogado da cantora, Mathew Rosengart, acredita que Jamie Spears está lutando com unhas e dentes para evitar ser suspenso como conservador.

De acordo com documentos judiciais obtidos pelo site Radar, o advogado da artista explicou por que o tribunal deveria negar o pedido de Jamie por US$ 1,1 milhão em taxas legais. A equipe de Britney acredita que as contas apresentadas são excessivas.

Nos documentos, Rosengart indica que tem planos de investigar Jamie e suas decisões financeiras como tutor.

“O desespero de Sr. Spears para evitar a suspensão é evidente e egoísta. Ele quer escapar da justiça e da responsabilidade (mas não o fará) e, evidentemente, fará ou dirá qualquer coisa para evitá-lo. Ele sabe que, quando for suspenso, deve entregar os arquivos da tutela, incluindo supostos documentos privilegiados advogado-cliente (comunicações com seus advogados), ao novo conservador temporário”, diz o documento.

Rosengart diz que Jamie deveria estar “particularmente preocupado com a liberação dessas comunicações” após o lançamento do novo documentário de Britney Spears produzido pelo New York Times.

No filme, um ex-membro da equipe de segurança da cantora alega que Jamie instalou uma escuta no quarto de sua filha.

Documentário de Britney Spears é aclamado na Netflix dos EUA

O documentário “Britney x Spears”, lançado pela Netflix na última terça-feira (28), conquistou o grande público em pouquíssimo tempo. Inclusive, este foi o título mais visto nas últimas 24 horas nos Estados Unidos.

(Foto: Reprodução)

No entanto, na categoria de documentário, o filme da artista está em terceiro lugar. “O mundo conhece Britney Spears: performer, artista, ícone. Mas nos últimos anos, o nome dela foi publicamente amarrado a outro termo, mais misterioso: tutela. ‘Britney vs Spears’ conta a explosiva história da vida de Britney e sua busca pública e particular por liberdade”, diz a sinopse do documentário.

(Foto: Reprodução)
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio