Amigo de Freddie Mercury, relembra episódio inusitado em turnê do Queen

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O vocalista do Queen, Freddie Mercury, foi um dos maiores nomes da música na década de 80 e 90. Até os dias de hoje o cantor é extremamente aclamado e lembrado por seus grandes hits.

Contudo, durante um show na Inglaterra, ele ficou furioso por, em sua opinião, não ter realizado uma apresentação impecável. O episódio foi revelado no podcast do YouTube, Finding Freddie.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

LEIA TAMBÉM: Compositor critica arrogância de Gusttavo Lima após ficar milionário com hit do cantor

O amigo íntimo de Freddie Mercury e entrevistador, David Wigg, contou que presenciou a revolta do vocalista nos bastidores da turnê. A informação foi repercutida pelo site da Rolling Stone Brasil.

Para Wigg, o show na cidade de Manchester, na parte noroeste do país, tinha sido espetacular. O setlist poderoso encantava a multidão, que cantava junto e celebrava o momento único. “Então eu fui no show e, então, eu fui para os bastidores e Mary [Austin] estava lá. E eles estavam rugindo, chamando-o de volta para mais. Ele saiu do lado da plataforma do palco direto para o camarim”, relembrou David.

Sem entender a princípio o que estava incomodando o artista, Wigg continuou observando a cena, até que Freddie explodiu: “[Ele] pegou um ferro [de passar roupas] e jogou em um espelho comprido, o qual usou para se vestir mais cedo. Eu disse: ‘Freddie, Deus! Você obviamente não é supersticioso’ […] E ele disse: ‘Bom, isso quer dizer que eu tenho mais sete anos para viver não é, David?”.

Nós não fomos bons o suficiente essa noite. Meu microfone estava estourando e isso é ruim. Nós somos número um e nós temos que ser os melhores”, disse Freddie Mercury.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio