ananda
A cantora carioca Ananda (FOTO: Divulgação)

Após o grande sucesso viral em mais de 30 países, a cantora Ananda está preparando uma versão internacional do hit “Quero Que Tu Vá”. A faixa que chegou a figurar no topo da parada Viral Global do Spotify, contará com uma nova versão que terá a participação das cantoras Mala Rodriguez e DaniLeigh.

VEJA TAMBÉM: Conheça o bem-humorado “Funk do Açaí”, música que vem sendo destaque na parada viral do Spotify

Mala Rodriguez, é uma cantora de hip-hop da Espanha, que detém o recorde de ter sido a única mulher até hoje a ter vencido o Grammy Latino nas categorias Melhor Álbum Urbano e Melhor Música Latina Urbana. Rodriguez já lançou músicas em parceria com Nelly Furtado e Akon e sua música “Tengo Un Trato”, chegou a ser considerada uma das músicas do verão de 2015 por ninguém menos que Barack Obama.

Já DaniLeigh é norte-americana e é uma artista da gravadora DefJam, mesma empresa por trás de nomes como Justin Bieber e Alessia Cara.

A versão internacional de “Quero Que Tu Vá”, com Ananda, Mala Rodriguez e DaniLeigh, também levará a assinatura de Joker Beats e será divulgada nesta sexta-feira (dia 5), já com um lyric video. Um videoclipe vem sendo planejado e será lançado em breve.

(FOTO: Reprodução POPLine)

“Quem nunca pensou em xingar alguém?” afirma compositor do hit viral “Quero Que Tu Vá”

Se você costuma acessar redes sociais é muito provável que conheça “Quero Que Tu Vá”, música cujo título é completado com um palavrão e que viralizou na web nas últimas semanas. O hit já alcançou tantas visualizações e reproduções que permanece há dias no topo da lista viral do Spotify Brasil.

O fenômeno contou com uma “mãozinha” de diversas celebridades que cantaram seu refrão “boca-suja” e postaram seus versos nas suas redes sociais. A cantora sertaneja Marília Mendonça e algumas atrizes da novela “Malhação” são alguns dos famosos que ajudaram a “bombar” ainda mais a música.

VEJA TAMBÉM: Cardi B teria dado ordens para que funcionárias de bar de striptease fossem agredidas

Foi uma surpresa toda a repercussão. Mas acho que é porque o palavrão estava preso na garganta. Uma vez por dia a gente quer dizê-lo”, afirmou Ananda, cantora de 26 anos, que escreveu os versos da canção ao lado de MC Koringa. Para este trabalho o funkeiro, assinou como Joker Beats, nome que passará a usar em trabalhos como produtor.

“No funk, o palavrão é sempre com uma conotação sexual, nunca tinha entrado na situação de expressar sentimento visceral, quando a gente xinga. A gente foi no porão da mente humana. Tirou a trava de muita gente e o tabu do palavrão. Às vezes, só o palavrão expressa um momento especifico”, explicou Ananda numa entrevista ao G1.

Já o funkeiro MC Koringa fez uma comparação com outros artistas do cenário nacional que também ficaram conhecidos por falarem palavrão. “Todo mundo gostaria de dizer, mas ninguém tem coragem. Quem nunca pensou em xingar alguém? Leandro Hassum fala em um monólogo sobre poder do palavrão. O Faustão transformou ‘porra’ em vírgula, as pessoas não se chocam mais. Dercy [Gonçalves] é outro exemplo de pessoas habilitadas a falar palavrão. E o Brasil amava ela. A gente fez um serviço de utilidade pública”.

Para que possa tocar nas rádios brasileiras, “Quero que tu vá” ganhou uma versão com batidas no lugar dos palavrões cantados por Ananda. Já a versão para o YouTube segue com o refrão trazendo o palavrão com todas as letras.

“Uma das coisas que nos preocupamos foi de ela não pronunciar o palavrão no clipe. Por mais que o áudio esteja lá, na imagem, ela faz caras e bocas”, explicou Koringa.