A cantora fluminense Anitta (FOTO: Reprodução)

Enquanto cumpre sua agenda da carreira internacional, a cantora Anitta concedeu uma entrevista online para Laura Tobon e respondeu algumas questões polêmicas.

Quando perguntada sobre como estava sendo enfrentar a pandemia aqui no país, a morena foi direta: “O país está repartido em dois, porque o presidente tem suas ideias de que o vírus não é assim tão importante. Então metade segue as regras, que acha que é importante, e a outra metade não. E isso faz com que o nível de contaminação seja maior, assim como o de mortes”.

VEJA TAMBÉM: Valesca Popozuda fala sobre assédio no Carnaval

A entrevista durou certa de trinta minutos e teve mais criticas a gestão de Jair Bolsonaro. Ao ser questionada sobre o que mudaria no Brasil, Anitta respondeu que seria nada mais, nada menos, que o presidente: “Há muita controvérsia, muita diferença. E para mim o presidente tem que governar para todos, e não só para aqueles que pensam como ele. Por isso mudaria”.

A entrevistadora então perguntou se ao menos as pessoas estão se cuidando nas ruas e a resposta da cantora de “Tocame” foi: “Aqui no Rio de Janeiro já está abrindo tudo. Eu saí hoje para levar meus cachorros para tomar banho. Mas está complicado, está difícil porque nem todos estão respeitando as recomendações”.

Apesar de já ser bastante reconhecida internacionalmente e ter parcerias musicais com artistas como Madonna, Sean Paul, Iggy Azalea, Rita Ora, J Balvin e Black Eyed Peas; a cantora nunca lançou um álbum nos Estados Unidos – mas já sugeriu que isso acontecerá este ano, deixando a fã base estrangeira animada.