Anitta diz que revelou caso de estupro por medo de contarem antes

Anitta abriu o jogo durante uma entrevista para a Elle

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Anitta tocou em um assunto bem delicado durante uma entrevista para a Elle Brasil.

A cantora revelou o motivo pelo qual tornou público o estupro que sofreu na adolescência. “Vi que tinha a possibilidade dessa história, de alguma forma, vir a público sem ser por mim, através de outras pessoas”, ela disse.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Ela não citou nomes, mas durante as gravações de sua série documental, “Made In Honório” da Netflix, que foi lançado em 2020, a cantora rompeu publicamente sua relação com Leo Dias.

O jornalista costumava dizer que conhecia algo do passado da carioca, mas que não iria revelar.

“Eu não queria de forma alguma dar o prazer de alguém usar minha história, minhas coisas, para falar ‘olha, fui eu que contei para todo mundo essa situação’. Se fosse para as pessoas saberem coisas que não estavam nos meus planos, prefiro que seja por mim”, a artista disse.

Em sua série, Anitta deu os detalhes sobre o estupro que sofreu e contou que na época do abuso, estava com um “homem autoritário”.

“Eu tinha bastante medo das reações dele quando estava estressado e acabei perguntando se ele queria ir para um lugar só nós dois. Rapidamente, ele parou o estresse dele, perguntou se eu tinha certeza, e eu falei que sim. Mas hoje tenho plena certeza que falei sim porque estava com medo”, ela contou.

VEJA MAIS: Site expõe dossiê sobre supostas traições de Nego do Borel; confira.

“Quando cheguei lá, realizei que não era certo fazer aquilo por medo e disse que não queria mais, mas ele não ouviu. Ele só queria fazer o que queria fazer. Quando ele acabou, foi abrir uma cerveja e eu fiquei olhando para a cama cheia de sangue”, a artista relembra.

A carioca ainda contou que se sentiu culpada por muito tempo e que era a responsável pelo que aconteceu.

“Faz muito pouco tempo que eu parei de achar que isso era culpa minha, que eu parei de achar que eu causei isso pra mim. Eu sempre tive medo do que as pessoas vão falar. ‘Como ela pode ter sofrido isso e hoje ser tão sensual, fazer tanta coisa?’ Eu não sei. Eu só sei que peguei isso que vivi e transformei em uma coisa para me fazer sair por cima, sair melhor”, revelou.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio