Anitta e Pedro Capó são criticados por fazerem playback na final da Copa América

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Anitta e Pedro Capó se apresentaram na cerimônia de encerramento da Copa América, no Maracanã, no domingo (dia 7). Foi um momento que causou repercussão internacional colocando os nomes dos cantores latinos em evidência. Porém, os comentários sobre a apresentação na mídia não foram exatamente elogiosos.

A apresentação rendeu notas em sites do mundo inteiro, incluindo a prestigiada Billboard americana. Muitos veículos apontaram o playback – que é típico dessas cerimônias esportivas e que foi feito na apresentação. “A maior sensação do Brasil e o reggaetonero porto-riquenho deram música à partida entre Brasil e Brasil, mas não tiveram boas críticas nas redes sociais”, escreveu o site argentino Infobae, “enquanto cantavam o hit ‘vamos pa’ la playa’ se envidenciou que não se tratava de uma apresentação ao vivo e que faziam uso de uma faixa pré-gravada”.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

VEJA TAMBÉM: Jair Bolsonaro é criticado após mensagem sobre morte de João Gilberto

Já o site LaFM, de Bogotá, foi mais direto: “não cantaram ao vivo”. O site da rádio latina LOS40 apontou os mesmos detalhes, com a manchete “Anitta e Pedro Capó, criticados por sua performance na Copa América”. A matéria afirma que eles ofereceram um “espetáculo digno de um evento como esse”, mas que o público presente ficou incomodado com um “descarado playback”.

O site Vanguardía, do México, foi mais amigável com os cantores latinos e optou por não tocar no assunto do playback, enquanto o BolaVip disse que Anitta foi “a mulher que roubou todos os olhares no Maracanã”. O Alerta Bogotá, da Colômbia, decidiu valorizar a apresentação: “Anitta e Pedro Capó esquentaram o clima nas arquibancadas com a apresentação musical, um dos momentos mais esperados”. Já a rádio Tele13, do Chile, disse que eles “animaram o público com seus maiores sucessos”.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio