A cantora fluminense Anitta (FOTO: Divulgação)

Um dos mais novos clipes de Anitta acabou rendendo grande burburinho nas redes sociais. A cantora que recentemente afirmou fazer parte da comunidade LGBT sem entrar muito em detalhes, agora vem sendo acusada de “oportunismo” após beijar várias mulheres em seu mais recente videoclipe “Não Perco Meu Tempo”, lançado na sexta-feira, (dia 9).

A faixa faz parte do EP “Solo”, que contou ainda com as faixas “Veneno” e “Goals”. As três canções foram divulgadas juntas e algumas horas depois os três videoclipes foram apresentados ao público. No vídeo da faixa “Não Perco Meu Tempo” que foi inspirado numa performance de Marina Abramovic, Anitta aparece protagonizando inúmeros beijos, ao lado de homens e mulheres, beijando ao todo 24 pessoas diferentes.

Em relação aos beijos lésbicos, parte da comunidade LGBT criticou a artista por julgar que ela estaria se “aproveitando do pink money”, já que a cantora ainda hesita em se manifestar politicamente em causas relativas aos direitos lésbicas, gays, bissexuais e transgêneros.

VEJA TAMBÉM: Tiros são disparados próximos a set de filmagens de novo clipe de Nicki Minaj e Kanye West

Esta pressão dos fãs por um posicionamento político mais contundente de Anitta ficou em evidência durante a corrida presidencial, quando o movimento “Ele Não’, criado por mulheres contra a candidatura de Jair Bolsonaro, contou com o apoio de várias celebridades e a carioca, inicialmente, se recusou a aderir a campanha demorando a se manifestar.

Muitos usuários ainda acusaram os beijos da cantora de serem comparáveis ao beijo que o funkeiro Nego do Borel deu em um modelo masculino no clipe de “Me Solta” e que no mês de julho desencadeou uma grande discussão na web sobre os limites da representatividade. Veja alguns comentários: