Após caso de Rihanna, mulher acusa Chris Brown de agressão

Publicado em 22/6/2021
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Em 2009, Chris Brown agrediu Rihanna, mas, caso você não se lembre, nós iremos refrescar sua memória. Os dois brigaram muito feio, e o rapper deixou a cantora com o rosto ferido. O caso teve repercussão mundial, e o cantor foi condenado à liberdade condicional, uma ordem de restrição de cinco anos foi emitida e ele foi obrigado a atender aconselhamento de violência doméstica.

E agora, parece que o cantor agrediu outra mulher. A suposta vítima contou aos polícias que o cantor bateu em sua nuca com tanta força que o aplique capilar que usava saiu, de acordo com informações colhidas pelo TMZ. Ainda segundo o site, a polícia respondeu ao chamado da mulher à casa de Chris Brown, em São Fernando Valley, na Califórnia, após uma denúncia no final de semana. A polícia fez um boletim de ocorrência da agressão, colocando o rapper como suspeito.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

VEJA TAMBÉM: Criador de série famosa DETONA participação de Justin Bieber: “Problemático”

O TMZ afirma que a vítima não teve ferimentos e nenhuma prisão foi feita no local. Esse não é um episódio isolado para Chris Brown, além de Rihanna, em 2016, o cantor foi investigado novamente por agredir uma mulher em Las Vegas. No mesmo ano, um ex-empresário que trabalhou para Chris Brown, Mike G, entrou com processo contra o cantor por agressão física. No relatório divulgado na época, ele acusou Brown de atacá-lo sem motivo com socos no rosto e no pescoço.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio