Michael Jackson
O cantor norte-americano Michael Jackson (FOTO: Reprodução_

Um dos filhos de Michael Jackson, o jovem Prince Jackson resolveu recorrer à uma conhecida letra duma canção de seu pai, para descrever seus sentimentos numa homenagem a George Floyd. O filho de 23 anos do astro escreveu uma detalhada declaração no Instagram, onde pede pelo fim do “racismo sistêmico contra a comunidade negra”.

Procurando pela resposta adequada sobre o suposto assassinato de George pela polícia em Minneapolis, Minnesota, Prince achou nas letras de um hino sobre preconceito, as palavras necessárias para seu discurso.

‘Beat me… Hate me… You can never break me’ — Michael Jackson“, iniciou o jovem, mencionando a letra da música ‘They Don’t Care About Us’ aos seus 677 mil seguidores, Prince escreveu a letra depois da citação da canção: “Vou falar de coração, porque é tudo o que sei fazer. Nós não estaríamos aqui sem a cultura negra. A cultura negra é sobre força. A cultura negra é sobre perseverança. A cultura negra é sobre resiliência. A cultura negra é sobre um pedido de mudança. Não há mais promessas de políticos. Não há mais conversas. Chega de ciclos de racismo, abuso e dor”.

VEJA TAMBÉM: Katy Perry diz que filha mostrou dedo do meio em ultrassom: “Essa é a minha garota”

A canção citada pertence ao álbum HIStory (1995), e que inclusive teve um clipe gravado no Pelourinho (Salvador). Na letra Michael promove uma conscientização do seu público para as causas relacionadas com os direitos humanos.

Prince acrescentou: “O sistema precisa ouvir os gritos da comunidade – agora. O sistema precisa mudar para sempre – agora. O sistema pode fazer muito, mas quando você desiste, eles vencem. Não deixe que o sistema o prenda”. Prince continuou citando o elogiado poeta galês Dylan Thomas, escrevendo: “Não seja gentil nessa boa noite”. “Não importa o que eles joguem contra nós, vamos apoiar um ao outro e não deixar que isso nos destrua. No momento, a melhor maneira de curar e seguir em frente é ajudar um ao outro. Sempre seremos mais fortes juntos”, disse.

O jovem Prince Jackson, filho de Michael Jackson (1958-2009), junto com o irmão, Blanket (Foto: Instagram)
O jovem Prince Jackson, filho de Michael Jackson (1958-2009), junto com o irmão, Blanket (Foto: Instagram)

Junto duma pintura de George Floyd, Prince continuou: “A cultura negra é a cultura americana. A comunidade negra é a comunidade americana. A herança negra é a herança americana. Vamos defender isso juntos. Não se destruam. Não se machuquem e não machuquem uns aos outros. Se defendam. Se cuidem. Se amem. Se amem”, finalizou.

No polêmico caso que causou comoção nacional nos EUA, o cidadão George Floyd foi morto por um policial de Minnesota, Derek Chauvin, após o policial lhe pressionar com o joelho no pescoço. Um vídeo de celular mostra o policial, que é branco, segurando Floyd por alguns minutos enquanto Floyd reclama que não consegue respirar. Floyd morreu pouco tempo depois em um hospital local.

Assista: