Após nova polêmica com autistas por filme, Sia deleta conta no Twitter

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

As reações de Sia e sua equipe à polêmica em torno do seu filme Music vêm sendo consideradas “preocupantes” pela instituição National Autistic Society. Na sua estreia como realizadora, a cantora de Chandelier convidou Maddie Ziegler para o papel duma artista adolescente autista, deixando parte da audiência confusa sobre a razão pela qual a cantora não elencou um ator autista.

Desde a reação negativa, Music foi nomeado para dois prêmios Globo de Ouro (por melhor musical e por atriz em musical) – uma decisão que tem sido questionada por críticos. Falando com Metro.co.uk, Jane Harris, Diretora dos Assuntos Externos e Mudanças Sociais na Sociedade Nacional Autista, disse: “Muitas pessoas autistas ficarão desapontadas com esta notícia [das nomeações para os Globos de Ouro], dada a controvérsia em torno da produção e do elenco do filme”.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

VEJA TAMBÉM: Sia é criticada por não escalar deficiente em filme e ataca autista na web: “Atriz ruim”

“Não sabemos como o filme foi produzido. Mas estávamos preocupados com a sugestão de que uma pessoa autista não seria capaz de lidar com o papel duma personagem principal autista. Conhecemos muitos atores autistas talentosos. Como em qualquer trabalho, trata-se de compreender o indivíduo e de pôr em prática qualquer apoio de que este necessite. As empresas de televisão e cinema têm uma enorme responsabilidade na formação da forma como o autismo e as pessoas autistas são vistas pelo público.

A diretora acrescenta: “É tão importante acertar, e é por isso que nos empenhamos muito em trabalhar com produtores e escritores. As personagens autistas são sempre melhores quando se baseiam de perto na vida real. Qualquer filme ou programa de televisão sobre autismo deve envolver e consultar pessoas autistas. Isto ajuda a assegurar uma representação precisa e boa e, na nossa experiência, contribui para um melhor trabalho final”.

Desde de toda polêmica, Sia pediu desculpas, e disse que algumas cenas serão cortadas de futuras versões do filme. Ela também disse que o filme incluirá um aviso sobre algumas cenas de contenção de crise autista. Logo após toda a polêmica, a cantora australiana resolveu deletar sua conta no Twitter. Aqui no Brasil, o polêmico filme tem previsão de estreia para o dia 25 de fevereiro.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio