Após polêmica de aglomeração, Rita Ora quebra quarentena novamente

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O terror da OMS? Após ser exposta quebrando a quarentena e participando de aglomerações, Rita Ora foi acusada de novo de não respeitar as normas de isolamento.

Agora, segundo o tabloide britânico The Sun, a artista deixou sua casa no Reino Unido para ir para a Bulgária gravar seu novo videoclipe. Uma fonte próxima à cantora disse: “Rita se culpou por seus erros, mas se jogou de volta ao trabalho para distraí-la das coisas“.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Ela passou a maior parte deste ano trabalhando em suas músicas e agora espera retornar com novas faixas no início de 2021, com o vídeo de um single sendo filmado no momento na Bulgária“, revelou.

VEJA TAMBÉM: Ao lado de secretário do governo Bolsonaro, Gusttavo Lima faz show com aglomeração

A fonte ainda contou que Rita Ora “não quer estar em Londres”, logo programou um feriado relaxante para Natal e o Ano Novo na esperança de ter um recomeço em janeiro.

A estrela começou escrever faixas para seu próximo terceiro álbum em um estúdio caseiro com a ajuda da cantora Josephine De La Baume – ex-mulher do produtor Mark Ronson, que já trabalhou com Lady Gaga, Miley Cyrus e Amy Winehouse.

Seu último álbum foi o Phoenix, de 2018, que contou com megahits como ‘Anywhere’, ‘Let Me Love You’ e ‘Your Song’, além da música ‘Girls’ ao lado de Charli XCX, Bebe Rexha e Cardi B. No mesmo ano, ela participou da trilha sonora de ‘Cinquenta Tons de Liberdade’.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio