Após prisão da filha, Belo afirma estar sem entender: “Recebia 10 salários mínimos”

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Isadora Alkimin Vieira, de 21 anos, mais conhecida como filha mais nova do cantor Belo, foi presa junto de outras 11 mulheres na última quarta-feira (11). Policiais da Delegacia de Combate às Drogas (DCOD), acabaram desarticulando uma organização criminosa especializada em golpes eletrônicos.

O delegado titular da Delegacia de Combate às Drogas, Gustavo Castro, conversou com o UOL e deu detalhes da acusação. Ele informou que as acusadas podem pegar até oito anos de prisão.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

VEJA TAMBÉM: Simone, dupla de Simaria, revela detalhes sobre prisão: “Muito torturante”

O pagodeiro, foi procurado pela Quem para falar sobre o assunto.

“Não tenho o que falar, não consigo falar nada. Primeiro preciso entender. O advogado está entrando no processo. Ela mora em São Paulo e estava aqui no Rio. Eu nem sabia! Minha mãe tem 80 anos, mora comigo, estou saindo da Covid-19 hoje. A última vez que ela esteve aqui na minha casa foi no Carnaval”, falou.

Belo afirmou que foi um dos últimos a saber da prisão de sua filha, além de alegar que a estudante de odontologia ganha dez salários por mês, da pensão paga por ele. Por fim, o cantor afirmou que fará de tudo para ajudar sua filha.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio