Após quase morrer em sequestro de cães, funcionário de Lady Gaga volta ao trabalho

O funcionário da cantora chegou a ser internado após ser baleado no sequestro de cães da cantora

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O passeador de cães de Lady Gaga está voltando ao trabalho após sua experiência de quase morte. O profissional está passeando com os Bulldogs Franceses novamente depois de colocar sua vida em risco por eles. Fontes próximas do TMZ relataram que o passeador de cães da cantora, Ryan Fischer, está de volta ao trabalho menos de 3 meses depois de quase perder a vida enquanto levava os filhotes para um passeio noturno.

Ryan passou pela casa dela na sexta-feira à tarde em Los Angeles – levando presentes e parecendo bastante saudável após sua longa internação no hospital após o incidente com tiroteio e sequestro animal. Embora os animais não tenham sido vistos com ele na sexta-feira, o TMZ informa que ele está novamente passeando com os cachorros durante o dia agora e não mais pela noite. Foi durante a noite, que o incidente ocorreu terminando em tiros e os suspeitos fugindo com os cachorros Koji e Gustav.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

(FOTO: TMZ)

Gaga chegou a oferecer uma recompensa de $ 500.000 após o sequestro dos cães em 24 de fevereiro. Os policiais acreditavam que o sequestro foi executado por uma quadrilha de roubo de cães, e a cantora finalmente recuperou seus cães em segurança depois que eles foram deixados amarrados em um beco e uma mulher ligou para o número que Lady Gaga postou. A mulher que “encontrou” os filhotes também acabou sendo presa, segundo fontes da polícia, porque a polícia suspeitou dela desde o início dos relatos.

(FOTO: TMZ)

Ryan, entretanto, ficou hospitalizado por várias semanas e até teve parte de um pulmão removido mas segundo o TMZ, o passeador de cães está com ótima saúde agora.

(FOTO: TMZ)
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio