shawn camila
O cantor canadense Shawn Mendes e a cantora Camila Cabello (FOTO: Reprodução)

O site da Billboard fez uma reportagem explicando que “Señorita”, novo single de Shawn Mendes e Camila Cabello, precisou de nada menos que oito compositores ao longo de 15 meses para ficar pronta.

Segundo o site POPline, a informação foi suficiente para que muitos usuários do Twitter criticassem o modelo de produção da música atual. “Saudades de quando artistas compunham suas próprias músicas” escreveu um internauta enquanto outro comentou “8 compositores é muito para uma melodia medíocre e vocabulário pobre”.

VEJA TAMBÉM: Cantora americana critica Pabllo Vittar: “Vagabunda” e “Artista nível C”

Em “Señorita”, Shawn e Camila dividem os créditos de composição com os demais autores: Andrew Watt, Benny Blanco, Ali Tomposi, Charlotte Emma Atichison, Jack Patterson e Cashmere Cat.

Ao ver toda a confusão no Twitter, a cantora Halsey saiu em defesa dos artistas. “Escrever músicas é um sistema bem estranho”, escreveu, “se alguém toca a guitarra, a bateria, adiciona o piano, sugere uma harmonia, todos artistas e colaboradores que iniciaram a ideia da música, etc… TODOS levam o crédito. É um sistema estranho”.

Na matéria da Billboard, os compositores Ali Tamposi e Andrew Watt revelam que a ideia inicial para “Señorita” partiu deles. Os músicos estavam participando de uma sessão em estúdio com Charli XCX e Jack Patterson, do Clean Bandit. Os músicos depois chamaram Benny Blanco e Cashmere Cat para se juntarem ao trabalho. A ideia de transformar a canção num dueto, porém, veio de Shawn Mendes – que decidiu convidar Camila Cabello para gravar com ele.

Recentemente foi revelado que “Señorita” foi inspirado em “Garota de Ipanema”, o clássico de Tom Jobim. Quem contou a novidade foi o compositor Andrew Watt.