Após ter festa interrompida pela polícia, cantor da Banda Eva faz pedido inusitado

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A polícia militar interrompeu o Réveillon Arcanjos, em Barra de São Miguel, em Alagoas, que teve a Banda Eva foi como atração principal, contudo, antes de acabarem com a festa, Felipe Pezzoni, vocalista da banda, pediu aos policiais se eles poderiam cantar pelo menos duas músicas.

Os policiais atenderam ao pedido, contudo, parece que o público não curtiu muito e começou a xingar, além de mostrar o dedo do meio, o vocalista da Banda Eva, por sua vez, rebateu: “Não é para mim que vocês tem que fazer isso. A polícia tem que deixar as pessoas trabalharem”.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

VEJA MAIS: Empresário se arrepende de festa na casa de Elba Ramalho: “Pedi desculpas”

O organizador da festa também reclamou da interrupção da polícia e saiu de lá preso por desacato. Mas, após toda confusão, o evento seguiu normalmente.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio