ariana grande
A cantora norte-americana Ariana Grande (FOTO: Reprodução)

Nesta sexta-feira (29), a Billboard publicou uma matéria dizendo que: “Rain On Me” deve estrear no topo da parada de singles dos Estados Unidos. O veículo antecipou as informações sobre o desempenho do dueto de Lady Gaga e Ariana Grande.

Caso o nº1 de “Rain On Me” se concretize, Ariana Grande se tornará a primeira artista na história a estrear quatro músicas direto no topo da parada. Já que ela fez o mesmo com “thank u, next”, “7 Rings” e “Stuck With U” em parceria com Justin Bieber.

Veja o clipe:

De acordo com projeções baseadas na elaboração de dados de Nielsen Music, “Rain On Me” deve concluir a semana com 25 milhões de streams, 50 mil downloads e oito milhões de impressões nas rádios (audiência x execuções). Os números se referem somente aos Estados Unidos.

“A música está visando destronar ‘Savage’ de Megan Thee Stallion com Beyoncé. (…) Notavelmente, se ‘Rain On Me’ estrear no topo da Hot 100 marcará a primeira vez que uma colaboração feminina substitui outra na liderança”, diz a Billboard.

VEJA TAMBÉM: “Sem sua força não teríamos este sucesso” afirma Janet Jackson sobre o falecido pai

O topo de “Rain On Me” resultaria, para Lady Gaga, sua quinta música no topo da Billboard Hot 100. A primeira foi “Just Dance” em 2008. As outras foram “Poker Face” (2008), “Born This Way” (2011) e “Shallow” (2018)

O hit debutou direto em 1º lugar na parada britânica nesta sexta, com 70 mil unidades comercializadas na semana de lançamento. “Rain On Me” também ultrapassou o recorde de maior número de streams para uma colaboração feminina na semana de lançamento, com 8,1 milhões de reproduções no Reino Unido.

Desde 2014, quando Jessie J, Ariana Grande e Nicki Minaj bombaram com “Bang Bang”, nenhuma parceria somente feminina chegava à liderança da parada britânica. “Se alguém me dissesse no dia que escrevi ‘Rain On Me’ (um dia que eu estava chorando miseravelmente) que ela seria nº 1, eu nunca teria acreditado”, comemorou Lady Gaga.

(Foto: Divulgação)