(FOTO: Reprodução)

A situação da atriz e cantora italiana Asia Argento está ficando cada vez mais complicada. A artista que é jurada do X-Factor italiano pode perder sua vaga no programa caso as suspeitas de assédio sexual cometidas por ela sejam confirmadas. É o que informaram as empresas Sky Italia e a Fremanntle Media, responsáveis pela exibição e produção do reality show.

A situação de Asia Argento ficou ainda mais delicada após a artista divulgar um comunicado negando as acusações de que teria assediado sexualmente e transado com o músico Jimmy Bennett no ano de 2013, época em que o rapaz tinha apenas 17 anos. Porém, o site TMZ teve acesso a uma foto dos dois juntos deitados em uma cama e também a algumas mensagens que a artista trocou com uma amiga desabafando sobre sua situação e assumindo que teve relações sexuais com o jovem.

(FOTO: TMZ)
Mensagens de Asia Argento, obtidas pelo TMZ, revelam que ela admitiu sexo e cogita uma mudança para África ou Amazônia

De acordo com informações do site TMZ, na troca de mensagens com um amigo, Asia confirma que teve relações sexuais com Bennett, mas explica que não sabia que ele era menor de idade até receber uma “carta de extorsão”.

Numa das mensagens atribuídas a Argento, de acordo com o TMZ, ela escreve: “Fiz sexo com ele e isso me fez me sentir estranha. Eu não sabia que ele era menor de idade até a carta de extorsão”.

VEJA TAMBÉM: Avô de Demi Lovato pede para que a cantora abandone a carreira

Nas leis da Califórnia, local onde fica o hotel que os dois supostamente se encontraram em 2013, é considerado crime que um adulto mantenha relação sexual com uma pessoa menor de 18 anos, que era o caso de Jimmy na época.

O comunicado emitido por Asia Argento trazia a seguinte mensagem:

“Desminto e repudio o conteúdo do artigo publicado no [jornal] ‘The New York Times’ que circula em vários meios de comunicação internacionais (…) Jamais mantive relações sexuais com Bennett”, declarou a atriz, de 42 anos, que admitiu ter dado dinheiro ao jovem, mas não por causa de uma relação sexual.

O TMZ também teve acesso a um bilhete deixado por Jimmy para Asia onde o rapaz escreveu: “Asia, te amo de todo o meu coração. Estou muito feliz por termos nos encontrado novamente e ter você em minha vida”.

Ele me escreveu isso mais tarde e continuou enviando me enviando nudes não solicitadas todos esses anos até duas semanas antes da carta dos advogados. Não foi estupro, mas eu estava congelada. Ele estava em cima de mim. Depois ele me disse que eu era sua fantasia sexual desde que ele tinha 12 anos”, explicou Asia em mensagens, segundo o site TMZ.

Asia afirma que foi extorquida por Bennett e explicou por que não denunciou o jovem: “Eu não reportei porque sempre me senti mal por esse ator-criança fracassado de Hollywood. Tenho 80 páginas sobre ele de um investigador que Anthony [Bourdain] contratou. E todos os e-mails do Anthony me pressionando a aceitar o pagamento.” O caso de Asia Argento tem um peso ainda maior devido a ela ser uma das principais mulheres a denunciarem o produtor Harvey Weinstein por assédio sexual. A polícia de Los Angeles continua reunindo informações sobre o incidente para decidir se abrirá uma investigação oficial do caso.