BBB! Juliette fala detalhes de sua série em parceria com a Globoplay

Ao longo de seis episódios semanais, a série documental promete mostrar a origem de Juliette no interior da Paraíba

Publicado em 18/6/2021
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Juliette confirmou num bate-papo com Ana Maria Braga para o “Mais Você” nesta sexta-feira (18), o lançamento de uma série documental exclusiva sobre sua vida no Globoplay. A estreia está agendada para o dia 29 de junho. O projeto contará com direção geral de Patricia Carvalho além de direção de Patricia Cupello.

Ao longo de seis episódios semanais, a série documental promete mostrar a origem de Juliette no interior da Paraíba, sua relação com amigos e familiares além dos momentos complicados que mudaram sua história, como a morte da irmã mais nova, vítima de um AVC aos 17 anos. A obra também promete abordar suas escolhas profissionais até a vitória no BBB21 além de dedicar um espacinho para a grande paixão dela: a música.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Durante coletiva, conforme noticiado pelo G1, a advogada adiantou que na obra mostrará uma carta que escreveu para a irmã antes de entrar no BBB.

“Tem eu lendo uma carta que escrevi para minha irmã, quando eu estava no “além”, no pré-confinamento, contando o processo de como me inscrevi porque ela sonhava com isso também, foi bem bonita a carta”.

A paraibana também disse que ficou com receio de tirar a máscara durante as gravações:

“Ficava agoniada às vezes porque em alguns momentos eu precisava tirar a máscara para gravar alguma coisa. Entrava em pânico porque as pessoas começavam a chegar, e eu tinha que correr para não aglomerar, mas deu tudo certo, não aglomeramos”.

VEJA MAIS: Jungkook sertanejo? Look de astro do BTS no ‘Muster’ rende memes hilários

Cenas da produção foram transmitidas durante o programa de Ana Maria e exibem Juliette se reencontrando com a mãe, visitando seu antigo apartamento e também, é claro, cantando! Ainda no bate-papo, Ana Maria Braga perguntou se esse seu lado mais cantora estava mais apurado e ela confirmou.

Sim… Eu vejo isso e eu estou abrindo mais minha cabeça, aceitando me ver dessa forma“, começou ela. “Ter conhecido Gilberto Gil e outros artistas como Anitta, Elba Ramalho, Alceu Valença, pessoas que acreditam em mim… Eles dizem: ‘você canta, você é uma cantora”. E eu estou começando a me ver como uma cantora. Antes eu cantava por amor, zero técnica, mas agora eu estou começando a ver: eu posso respirar melhor e posso cantar melhor. Já comecei a pensar em aula, já comecei a fazer aula de respiração e tentando me habituar“, declarou Juliette explicando que até pediu um conselho pra Gilberto Gil. “Eu até falei com o Gilberto Gil. Se eu tinha algum medo e alguma dúvida que eu poderia ser cantora, eu agora ganhei mais confiança”, acrescentou Juliette.

Juliette também comentou como está sendo cantar ao lado de ídolos como Gilberto Gil, Valença, Elba Ramalho e Wesley Safadão.

É uma energia tão forte. Eu fico pensando assim… O que essas pessoas representam! ‘Eu tô aqui, do lado!’ Tipo, é real. É como se fosse uma energia, algo espiritual. Eu fico em choque, com frio na barriga e pensando que eu estou vivendo isso. Quantas pessoas queriam estar aqui e o quanto essas pessoas são grandes. Quando eu olho para elas, eu não vejo pessoas, eu vejo o que elas representam para nossa região, para a música brasileira… Eu fico olhando assim e penso: meu Deus, eu não estou diante de uma pessoa, eu estou diante de uma história“, declarou.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio