BBB: Karol Conká e Globo podem responder processo contra xenofobia

A Associação dos Nordestinos do Estado de São Paulo (Anesp), quer um pedido de desculpas público

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Parece que Karol Conká não irá se livrar tão fácil das consequências de seus atos no BBB. Isso porque a Associação dos Nordestinos do Estado de São Paulo (Anesp), entrou com uma ação civil pública na Justiça do Rio de Janeiro, no último dia 05. Além da rapper, a Globo também não saiu ilesa. O motivo é simples, as declarações xenofóbicas da rapper ao se referir ao nordeste.

 “Me disseram que lá na terra dessa pessoa é normal falar assim. Eu sou de Curitiba, é uma cidade muito reservadinha, tenho os meus costumes. Tenho muita para falar com as pessoas”, essa foi a fala de Karol Conká, ao se referir ao sotaque de Juliette, que é nordestina.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

VEJA TAMBÉM: “Sem sua força não teríamos este sucesso” afirma Janet Jackson sobre o falecido pai

No processo, que foi distribuído para a 28ª Vara Cível do RJ, a Anesp pede que o Grupo Globo conceda espaço para direito de resposta, exige uma retratação de Karol em rede nacional, com envio de nota aos veículos de imprensa, e solicita a doação de mil cestas básicas. 

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio