Billie Eilish comenta tutela de Britney Spears: “realmente horrível”

Publicado em 19/7/2021
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Entre diversas artistas que criticaram publicamente a tutela de Britney Spears controlada pelo pai, Billie Eilish também entrou para a lista. A intérprete do hit “Bad Guy” opinou e explicou como acha a conservadoria da Princesa do Pop algo “realmente horrível”, em entrevista à Vogue Australia. Eilish disse estar perplexa com os problemas legais de Spears e agradece por sempre ter uma equipe de apoio ao lado.

(FOTO: Reprodução)

“É realmente horrível o que muitas mulheres jovens passaram, quero dizer, até hoje”, afirmou a cantora, que acabou de lançar um disco em 2021, na conversa. “Não tenho uma equipe com intenção de me fo*, algo realmente raro, e isso por si só é muito fod*”, continuou. “Tudo o que eu tenho que ser é apenas grata por ter um bom grupo de pessoas ao meu redor. Não querem apenas tirar vantagem de mim e fazer o mesmo feito por algumas pessoas no passado.”

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

CONFIRA TAMBÉM: Amigo de Britney Spears diz que pai a controlava antes da tutela

Britney Spears disse, no início de julho de 2021, que deseja ver o pai removido do cargo de co-conservador. Foi também autorizada a escolher o próprio advogado após trabalhar com um profissional nomeado pelo tribunal.

Christina Aguilera diz que sempre vai apoiar Britney Spears

Recentemente, durante a entrevista para o Los Angeles Times, Christina Aguilera voltou a falar sobre Britney Spears e o movimento #FreeBritney. “Eu sempre vou apoiar Britney”, responde ao ser questionada por ter feito um tweet apoiando a amiga do elenco de “Mickey Mouse Club”. O tweet foi feito no dia 28 de junho, com uma foto de quando elas eram adolescentes.

Nele, Christina expressa que é inaceitável que qualquer pessoa não tenha permissão de controlar seu destino e sua própria vida. “A foto é da nossa época de Mickey Mouse Club. Tínhamos 11 ou 12 anos. Éramos bebês que trabalhavam juntas. É tão incrível fechar o círculo dessa forma: ambas capazes de obter o sucesso que conquistamos. Foi tão bonito olhar de novo para aquelas fotos. Há brilho em nossos olhos. Foi uma ótima experiência, não apenas por nós duas, mas com todas as outras crianças – Justin (Timberlake), Ryan Gosling e todos nós surgimos naquele programa. Que baita diretor de elenco! Mas, caramba! Estamos trabalhando desde que éramos crianças. Todos nós merecemos a felicidade. Eu sempre vou apoiar Britney” a assessoria não deixou Christina Aguilera falar mais que isso. A entrevista foi interrompida com a assessora dizendo que Christina “não tinha mais nada a acrescentar sobre o assunto”, de acordo com o Los Angeles Times.

(FOTO: Reprodução)

CONFIRA TAMBÉM: Membro do Backstreet Boys detalha triste encontro com Britney Spears

Ex-marido de Britney Spears culpa equipe da cantora por casamento que durou 2 dias

O primeiro marido de Britney Spears – e amigo de infância dela – Jason Alexander manifestou apoiou na luta da artista para derrubar sua tutela. O ex-companheiro da artista declarou que o seu casamento foi forçado a ser encerrado abruptamente pela equipe ‘enganosa’ da cantora. Jason e Britney, de 39 anos de idade, casaram-se durante apenas 55 horas ainda no ano de 2004 – com uma cerimónia às 4 da manhã em Las Vegas, rapidamente seguida de uma anulação repentina.

Agora, Jason, de 39 anos de idade, afirma que foi enganado pelo seu casamento com a estrela pop e diz que a sua equipe lhe disse que lhe seria permitido continuar a sua relação com ela, desde que ele assinasse a anulação do seu casamento.

Agora o ex-jogador de futebol universitário, que cresceu com Britney em Kentwood, Louisiana, está responsabilizando a equipe da artista pelo fim do seu romance. Jason compartilhou detalhes sobre o assunto ao podcast Toxic: A história de Britney Spears, onde ele disse: “Disseram-me que se eu assinasse os contratos – a anulação – deixariam que eu e a Britney continuássemos a nossa relação, e que se sentisse o mesmo dali seis meses nos dariam um casamento adequado”. O antigo companheiro da artista afirma ainda que a equipe da Britney o convenceu de que lhe permitiriam namorar com a cantora durante seis meses e que eles cogitariam reconsiderar um casamento “adequado” para os dois.

VEJA MAIS: Família de Anitta vai expulsar Juliette da mansão da cantora?

Jason afirma que estava convencido de que a equipe estava a dizer a verdade e que continuou a manter-se em contato com Britney através de telefonemas. “Estávamos a falar todos os dias e eu ainda acreditava na história que me contaram, que eles nos iam deixar continuar a falar e então teríamos este casamento, certo, no futuro, se sentíssemos o mesmo”.

Jason foi então alegadamente avisado pelos seus próprios advogados que se não contestasse a anulação no prazo de 30 dias após a sua assinatura, a decisão seria tornada permanente e que seria então cortado do contato da estrela. Disse ele: “Literalmente no dia seguinte, como se os 30 dias tivessem acabado, lembro-me de tentar ligar para o número que tinha para a Britney e era do tipo, ‘Beep, beep, beep [som de telefone sem linha]”. E eu tipo, ‘Merd* eles me enganaram! Filhos da p**!’“.

Vale lembrar que Jason já demonstrou anteriormente o seu apoio à Britney participando numa marcha de protesto #FreeBritney, em agosto do ano passado.

Jason Alexander (FOTO: EPA)
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio