A legendária banda britânica The Beatles (FOTO: Reprodução)

Algumas pessoas afirmam que estadunidense é um pouco louco, e a prova disso é Patrick Boos, que decidiu tatuar “Helter Skelter”, uma música dos Beatles, porém além de ter sido na testa, ele usou as cinzas de Charles Manson, um assassino em série falecido em 2017. 

O tatuador Ryan Almighty revelou que o jovem queria homenagear o criminoso, considerada por ele como uma oportunidade única na vida. 

A faixa dos Beatles do White Album, lançada há 52 anos, foi escrita por Paul McCartney usando um passeio em uma feira como metáfora. Manson, por sua vez, interpretou isso como uma chamada subliminar para incitar uma guerra racial. O criminoso ficou famoso por liderar uma espécie de culto, conhecido como família Manson, que cometeu uma série de assassinatos brutais, entre eles o da atriz Sharon Tate, esposa grávida do cineasta Roman Polanski, retratado no longa ‘Era Uma Vez em… Hollywood’.

Patrick Boos e Charles Manson (Foto: Reprodução e Getty)

VEJA TAMBÉM: Áudios de Anitta sobre Iggy Azalea, Preta Gil, Ludmilla e Simaria vazam na web