Membros do Coldplay “viajam no tempo” e aparecem em anúncio no metrô de SP

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Uma pista pra lá de misteriosa e bizarra indica que o Coldplay está pronto para colocar o oitavo disco de estúdio na praça.

Fãs passaram a desconfiar que o sucessor de A Head Full of Dreams será lançado em breve, após um banner retrô apresentar os integrantes Jonny Buckland, Chris Martin, Guy Berryman, Will Champion em trajes vintage.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

VEJA TAMBÉM: Produtor de Anitta manda indireta para Ludmilla após briga por autoria de música

A estranha peça publicitária foi vista na Estação Paulista do metrô em São Paulo nesta segunda-feira (14).

Na imagem, de estética envelhecida e em preto e branco, a banda parece integrar um grupo musical do início do século passado. Junto a foto aparece em fonte estilizada com a seguinte data: “22 de novembro, 1919”.

VEJA TAMBÉM: Madonna estaria namorando bailarino 40 anos mais novo; conheça Ahlamalik Williams

Vale ressaltar que, hoje, terça-feira (dia 15), o mesmo banner teria sido removido. De acordo com um funcionário do metrô, o material foi retirado pois foi colocado antes da data combinada.

Dia 22 de novembro, vale ressaltar, é justamente numa sexta-feira, dia da semana quando a grande maioria dos lançamentos musicais acontece.

A razão dos britânicos terem colocado a data de 100 anos atrás pode sugerir que uma sonoridade mais orgânica e menos eletrônica pode estar vindo por aí. A estética retrô não chega a ser uma novidade para o quarteto: no ano de 2008, o grupo apostou num visual imperial no álbum “Viva La Vida” que trazia um quadro da revolução francesa na arte de capa do disco (a peça “A Liberdade Guiando o Povo”).

VEJA TAMBÉM: Elton John faz revelações sobre vício em cocaína, AIDS e Lady Gaga

Ainda não se sabe se o novo projeto será um disco completo, um EP ou somente uma música. O último álbum do Coldplay foi o “A Head Full of Dreams”, de 2015. O disco contou com a maior turnê da história da banda, durando 1 ano e meio e se tornando a quinta tour mais lucrativa de todos os tempos.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio