Blogueira famosa faz campanha contra Juliana Caetano após cantora defender acusado de estupro

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Recentemente, Juliana Caetano, vocalista do Bonde do Forró deu que falar ao defender um senador acusado de estupro. O político em questão se trata de Irája Silvestre Filho (PSD) de Tocantins.

Ao ser questionada por um seguidor sobre o que ela achava da acusação, a cantora falou: “Para falar a verdade, fiquei com dó dele. Hoje em dia as mulheres saem, se arrependem e aí falam que foram estupradas. Aí quando uma é estuprada de verdade, ninguém acredita. Esse é um tema que tem que ser falado, porque tem muita mulher oportunista”.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Elas ficam esperando sair com o cara para dar o golpe. E quando uma está precisando de ajuda realmente perde a credibilidade por causa das outras“, finalizou Juliana.

VEJA TAMBÉM: Lady Gaga, Madonna e Pabllo Vittar: 10 músicas que você não sabia que eram “cópias” de outras

Com isso, a blogueira Rainha Matos, fez uma campanha para que outras blogueiras não noticiem mais nada de Juliana Caetano.

Oi gente, bom dia, aqui quem fala é a Rainha Matos. Estou passando só pra avisar que essa é a última vez que vocês veem o rosto dessa moça no meu perfil! A fala dela hoje sobre a moça que foi est*pr*da por um senador foi no mínimo CRlMINOS4, sendo assim eu me coloco na posição de não perpetuar a imagem desse tipo de gente no meu perfil e muito menos continuar dando engajamento para as mesmas. Fica aqui também o meu convite aos meus colegas de trabalho que se unam a mim nessa corrente e que paremos de dar palco a pessoas como essa que usam seus perfis para falas como essa sobre est*pro banalizando um crime que acontece toda hora no Brasil. A cada 8 minutos uma mulher é est*pr*da no Brasil. Pensem nisso e não vamos deixar pessoas que banalizam o est*pro famosas.” Confira logo abaixo o vídeo da fala de Juliana.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio