Britney Spears se recusa a falar com a polícia após funcionária acusá-la de agressão

Pessoas próximas à cantora negam que a altercação tenha acontecido

Publicado em 19/8/2021
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Britney Spears estaria se recusando a falar com a polícia depois que uma funcionária alegou ter sido agredida pela estrela. O motivo teria sido uma discussão sobre os cães da cantora. As informações são do site Radar Online.

Segundo relatos, uma investigação está em andamento depois que a funcionária acusou Britney de agressão após um suposto incidente ocorrido na segunda-feira, 16 de agosto.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Os deputados do xerife do condado de Ventura foram chamados até a casa da cantora, mas o membro da equipe já havia ido embora, para denunciá-la na delegacia mais próxima.

Ela afirma que levou o cachorro de Britney ao veterinário e, quando ela voltou para casa, elas supostamente discutiram sobre o tratamento dispensado ao animal de estimação da estrela pop.

A funcionária de Spears supostamente disse aos policiais que a intérprete de “Oops! … I Did It Again” arrancou o telefone de suas mãos.

Agora, fontes afirmam que policiais tentaram entrar em contato com a diva pop, mas ela se recusa a falar. Pessoas próximas a Britney estão alegando que a suposta altercação nunca aconteceu. Eles também afirmam que foram informados que as autoridades não acreditam que o caso vá adiante.

O caso está sendo encaminhado à Promotoria do condado, que decidirá se Britney será acusada de agressão por contravenção.

Este é o segundo incidente policial envolvendo Britney Spears nos últimos dois meses. Poucas horas antes de sua audiência de tutela em junho, a polícia à casa da estrela pop por causa de uma “questão civil”. Recentemente, a cantora teve uma vitória no caso após seu pai, Jamie Spears, desistir do cargo de tutor.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio