BTS explica significados da linguagem de sinais em ‘Permission to Dance’

"Incorporamos a linguagem de sinais porque queríamos compartilhar energia positiva, conforto e esperança com todos", explica J-Hope

Publicado em 25/7/2021
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

No MV de seu último single, “Permission to Dance”, os membros do BTS incorporaram a linguagem internacional de sinais na coreografia. Neste sábado, 24 de julho, durante aparição no programa 8 News, J-Hope explicou os significados por trás dos sinais usados.

“Nós incorporamos a linguagem de sinais internacional e a mostramos tanto em vídeo quanto em apresentações ao vivo, porque queríamos compartilhar energia positiva, conforto e esperança com todos”, disse o astro.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Ele também ensinou a fazer 3 dos sinais usados. No primeiro, é preciso abrir os dedos e dobrá-los, depois fazer um movimento de coçar perto do peito. Isso significa “É divertido“.

Para o segundo sinal, uma mão deve ficar para fora com a palma para cima, como um palco, enquanto o indicador e o segundo dedo da outra mão “dançam” por cima. Este sinal significa dançar.

Por último, faça dois Vs com os dedos médio e indicador de cada mão. Este movimento comunica paz.

Confira a entrevista completa abaixo:

BTS: Jin explica ideia por trás da coreografia do hit

Durante a entrevista, o âncora perguntou se Jin viu um vídeo dele reclamando a Bang Shi Hyuk (CEO da Big Hit) sobre as coreografias do grupo ficarem cada vez mais difícil.

Quanto a isso, Jin tranquilizou: “A faixa ‘Permission To Dance’ foi feita com a intenção de que todos se divertissem juntos quando a pandemia acabasse, então a coreografia é bastante fácil ao contrário das outras, permitindo que nós, idosos, crianças, adultos em seus 20 e 50 anos dancem.”

Astro do BTS diz que pensa nos ARMYs como se fossem seus amigos

Quando questionado sobre a interação com os fãs através do Weverse e o que isso significa para eles, a resposta de V encantou seus admiradores em todo o mundo.

“Eu não queria manter distância do ARMY. Eu me comunico e interajo com eles como se fossem meus amigos próximos. Os fãs deixam mensagens no Weverse sobre coisas que são difíceis de falar ou sobre o cotidiano e, enquanto lia, percebi que os ARMYs nos contam todas essas coisas, então por que não posso? Então, depois de ler essas cartas, comecei a me abrir e compartilhar minha vida diária e pensamentos com os fãs”.

BTS fala sobre sucesso na Billboard

Sobre sua sequência histórica na Billboard Hot 100, RM comentou: “Na verdade, parece um sonho. Não pensamos que ‘Butter‘ poderia liderar as paradas por sete semanas consecutivas quando lançamos a música pela primeira vez. Brincamos sobre passar o bastão quando lançamos nossa nova música, mas é realmente uma honra que se tornou verdade. Eu gostaria de agradecer a todos os ouvintes e ao ARMY por isso.” 

Jin acrescentou: “Eu descobri sobre isso (BTS sendo uma das três sequências históricas no Billboard Hot 100) online e acredito que foi possível por causa do ARMY. Sou grato por eles terem ouvido nossa música e trabalharemos mais duro em troca de seu amor. Eu te amo, ARMY”

Ao incorporar a linguagem de sinais internacional como parte da coreografia de “Permission to Dance“, J-hope disse: “Queríamos passar energia positiva, conforto e esperança para muitas pessoas ao redor do mundo, então escolhemos a linguagem de sinais internacional.” Ele então explicou que as línguas de sinais significam “diversão”, “dança” e “paz”. Ele também explicou sobre o single: “Estávamos ansiando por algo que pudéssemos desfrutar com o público devido à pandemia de longa duração. É uma oportunidade para interagirmos com os fãs e também sermos confortados por eles. ” 

SUGA confirmou que gostaria de enfrentar outro desafio para ser nomeado e, com sorte, ganhar o Grammy. 

V compartilhou seus pensamentos sobre “Blue & Grey“: “Ninguém, incluindo nós, poderia ter previsto esta situação. Toda a nossa programação foi cancelada de repente, então sentimos uma sensação de vazio e até nos sentimos deprimidos e ansiosos. Eu queria compartilho essas emoções com a maior franqueza possível, então eu as anoto em uma nota. A depressão e a ansiedade foram expressas nas cores azul e cinza. A música foi incluída em nosso álbum anterior, ‘BE’”.

Recentemente, o presidente da Coreia do Sul, Moon Jae-in, nomeu o BTS como enviado especial do país para representar a diplomacia pública, e eles falaram sobre isso: “Somos parte da geração do milênio e podemos dizer que crescemos junto com os jovens da geração atual. Queríamos ajudar a afetar a sociedade, por mais minúsculo que tenhamos impacto. É uma responsabilidade pesada, mas também a estamos levando avante com o coração alegre. Vamos sair e fazer o que pudermos e faremos o nosso melhor para cumprir nossos deveres antes de retornar.”

Sobre se sentir pressionado por seus álbuns, Jimin disse: “Em vez de sentirmos que precisamos realizar algo, às vezes temos dificuldade porque não sabemos como retribuir o amor de nossos fãs. Existimos por causa de nossos fãs e do público e é difícil quando não podemos retribuir seu amor o suficiente.” 

Jungkook comentou sobre seus objetivos individuais, “Eu sou o tipo de pessoa que quer fazer muitas coisas. Eu realmente gosto do que estou fazendo agora, então além de meus objetivos e sonhos como cantor, não há nada que eu queira para realizar como um indivíduo. Eu quero conhecer nossos fãs, ARMY. Eu acredito que esse é o meu sonho.”

BTS participará da próxima Assembleia Geral da ONU

Isso que eu chamo de sucesso! O presidente da Coreia do Sul, Moon Jae-in, nomeu o BTS como enviado especial do país para representar a diplomacia pública em eventos oficiais internacionais.

Com o posto, intitulado “enviado presidencial especial para as gerações futuras e cultura”, o grupo sul-coreano participará de importantes reuniões ao redor do mundo, incluindo a 75ª sessão da Assembleia Geral da ONU, marcada para setembro.

Leia o anúncio na íntegra: “BTS participará de grandes conferências internacionais, como a 75ª Assembleia Geral da ONU em setembro como um ‘Enviado Especial Presidencial para as Gerações e Cultura do Futuro’, para transmitir mensagens de conforto e esperança aos jovens do mundo. Também realizarão diversas atividades relacionadas ao meio ambiente, melhoria da pobreza e da desigualdade e respeito à diversidade.”

“As atividades que o BTS, que tem espalhado esperança e energia positiva para as pessoas ao redor do mundo que estão exaustos da prolongada C0vid19, estará realizando como um enviado presidencial. [O BTS] foi escolhido para melhorar a imagem do país em questões globais por meio de colaborações em atividades em todo o mundo”, disse Park Suhyeon, porta-voz do presidente sul-coreano.

BTS quebra mais um recorde no Japão com CD “Butter”

BTS é um fenômeno em todos os formatos de consumo de música. Além do sucesso em vendas digitais, o grupo sul-coreano quebrou mais um recorde no Japão com a versão física do single “Butter”. O novo CD fez sua estreia em 1º lugar na Oricon, a principal parada de álbuns no país.

A conquista tornou BTS o primeiro artista estrangeiro a ter nove álbuns no topo da parada de álbuns da Oricon. A versão física de “Butter” debutou no topo com 195 mil cópias vendidas entre os dias 12 e 18 de julho.

(FOTO: Reprodução)

Vale ressaltar que o single “Butter” liderou a parada de streaming da Oricon, no Japão, por oito semanas consecutivas. Pois é, fenômeno em todos os formatos!

BTS domina paradas da Billboard com novo hit

BTS dominou as paradas da Billboard desta semana com seu último hit. Conforme anunciado anteriormente, a nova música do grupo, “ Permission to Dance ”, fez sua estreia histórica em primeiro lugar no Hot 100, ranking semanal das músicas mais populares nos Estados Unidos. No entanto, as realizações da música não param por aí!

Na atualização desta semana, “Permissão para Dance” também garantiu o 1 º lugar na Billboard Digital Song Sales, Global 200 e Global Excl. U.S. (que contabiliza mais de 200 países, com exceção dos Estados Unidos). Além disso, o BTS subiu de volta ao nº 1 na Artist 100 para sua 17ª semana não consecutiva no topo, estendendo seu próprio recorde como o grupo com mais semanas na liderança da parada.

Mesmo com a chegada agitada de “Permission to Dance”, o hit anterior do BTS, “ Butter ”, também se manteve forte nas paradas da Billboard. “Butter” figura na 7ª posição da Billboard Hot 100 em sua oitava semana, e ficou em 2ª posição na parada de vendas de músicas digitais, na 3ª posição na Global Excl. U.S., e na 6ª posição na Global 200.

“Butter” também manteve seu lugar na décima posição na parada Pop Airplay (que mede as execuções semanais nas principais estações de rádio dos Estados Unidos). Enquanto isso, o hit de longa data do BTS, “ Dynamite ” – laçado em 2020 – alcançou a 16º posição no Global Excl. U.S. e a 21ª posição no Global 200. Por fim, “Permission to Dance” ficou em 8º lugar na parada de streaming desta semana, enquanto “Butter” aparece na 27º posição.

BTS emplaca dois álbuns na parada mundial da Billboard

Ninguém segura o BTS! Além de conseguir substituir a si mesmo na Hot 100, o grupo domina a parada mundial de álbuns da Billboard, na atualização desta semana. O grupo sul-coreano aparece duas vezes, com os discos Map of the Soul: 7 e Love Yourself: Answer. As informações são do jornalista especializado em música Hugh McIntyre, da Forbes.

Na semana passada, Map of the Soul: 7 havia caído para a 3ª posição, mas conseguiu seu retorno triunfal ao topo na atualização desta semana. Já Love Yourself: Answer, que completa sua 150ª semana na parada, voltou ao Top 10, escalando do 13º para o 7º lugar.

Este é o segundo disco do BTS a alcançar 150 semanas na parada mundial de álbuns, seguindo os passos de Love Yourself: Tear, que passou 151 semanas.

Além disso, vale destacar que o BTS não é o único artista sul-coreano no “World Albums Chart”. o girl group Loona conseguiu emplacar seu novo EP “[&]” em 14º lugar da parada, que considera apenas os 15 títulos mais consumidos.

VMA irá excluir a categoria “Melhor Grupo”? E o BTS?

Um recente artigo da Billboard sobre o VMAs de 2021 relatou que a MTV irá exluir a categoria de “Melhor Grupo”. Como o BTS ganhou o prêmio nos últimos dois anos, os Armys ficaram revoltados, pois estavam na expectativa de fazer o grupo de K-pop campeão pela terceira vez consecutiva.

Os fãs não gostaram da suposta decisão e ameaçaram boicotar o VMAs. Muitos defenderam que abandonar a categoria seria um meio de limitar as realizações do BTS.

No entanto, na tarde desta segunda-feira (19 de julho), a conta oficial do programa no Twitter fez uma publicação afirmando que o anúncio dos indicados deste ano acontecerá em breve. Também foi revelado que novas categorias serão anunciadas.

Os Armys rapidamente responderam a publicação com críticas sobre a exclusão da categoria. Mas, para o alento dos fãs, o programa confirmou que a categoria “Melhor Grupo” ainda será incluída, e pediram para que os internautas “relaxassem”.

Não está claro se a informação inicial estava incorreta ou se a decisão foi alterada após repercussão negativa.

VEJA MAIS: Jimin, do BTS, é dono da música mais ouvida do SoundCloud

Permission To Dance: BTS apresenta hit pela primeira vez na TV

A divulgação de “Permission to Dance“, do BTS, estão com tudo nos Estados Unidos. E, durante uma participação no programa TV “The Tonight Show Starring Jimmy Fallon”, os meninos fizeram uma apresentação incrível.

A performance foi gravado em um shopping fechado em Yeongjongdo, onde fica localizado o aeroporto Internacional de Incheon, na Coreia do Sul. Assista:

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio