Fifth Harmony
O grupo estadunidense Fifth Harmony (FOTO: Reprodução)

Lauren Jauregui abriu o jogo sobre a fofoca de anos sobre seu suposto namoro com sua colega de grupo na época do Fifth Harmony, Camila Cabello.

O rumor tomou proporções tão que grandes, que virou assunto em uma entrevista recente. Durante seu tempo como membros do grupo, os fãs especularam incessantemente que elas tinham um caso, e, segundo Lauren, isso foi “tão traumatizante”.

“As pessoas pensavam que Camila e eu gostávamos uma da outra e isso me deixou muito desconfortável. Tipo, desagradavelmente desconfortável, porque eu sou bi, mas ela não é e isso me fez me sinto como uma predadora”, desabafou.

VEJA TAMBÉM: Ruiva, Katy Perry lança vídeo de “Champagne Problems” para projeto visual

Ela explicou: “Isso me fez sentir uma predadora porque os tipos de vídeos que as pessoas faziam e os tipos de histórias que as pessoas escreviam e o tipo de coisa, eu sempre era o agressor”.

“Eu sempre fui aquele que era a ‘energia masculina’ nas histórias e isso me deixou muito desconfortável porque não é assim que me identifico”, disse.

Anteriormente, a cantora já havia falado o que tinha com a cubana era apenas amizade, descrevendo a relação como “de boas amigas”.

Até hoje, porém, Jauregui disse que a situação a faz “hiperanalisar” qualquer conexão que ela compartilha com outras mulheres, porque os fãs ainda estão “convencidos de que isso era real”.

“Realmente me incomodou porque não me sentia confortável em contar isso aos meus pais. Não estava nem confortável em dizer a mim mesma que era queer”, acrescentou.

E finalizou: “Eu não via Camila dessa forma, então me deixou desconfortável que eu pudesse potencialmente estar acabando com o clima”.

Hoje em dia, Camila Cabello tem uma relação extremamente exposta e assumida com o cantor canadense Shawn Mendes.

FOTO: Reprodução