tomorrowland
(FOTO: Reprodução)

Uma reportagem do canal belga VTM News revelou que diversas pessoas entraram para a equipe de produção do festival de música eletrônica Tomorrowland pela facilidade em traficar drogas.

De acordo com a reportagem, que conversou com testemunhas sobre o assunto, a revista por drogas ilícitas feita pelos seguranças do festival no público é bastante rigorosa, diferentemente de quando se trata dos membros do próprio evento. Segundo números do Brussel Times, 61 traficantes e mais de 400 usuários foram pegos nessa última edição do festival belga.

VEJA TAMBÉM: Serasa pede desculpas à Anitta após brincadeira envolvendo “briga” com Pabllo Vittar

Testemunhas da reportagem confirmaram que alguns membros da equipe deliberadamente trabalham para o festival para lidar com drogas. “Ele tinha 36 comprimidos, 4 gramas de cocaína, 6 gramas de velocidade e 4 gramas de ketamina”, afirmou uma testemunha sobre um dos funcionários do Tomorrowland.

Ao VTM, a assessoria do Tomorrowland teria negado que a revista feita aos membros do seu staff seria pouco rigorosa. “Temos convicção de que esse comportamento inapropriado de alguns membros da nossa equipe é muito raro”, teria dito um representante do festival. A reportagem possui pouco mais de dois minutos e é falada em neerlandês.