Clayton Gardner
O cantor Clayton Gardner (FOTO: Reprodução)

Na última sexta-feira (17), o cantor Clayton Gardner passou por uma situação extremamente desagradável. Enquanto fazia um show, uma mulher tossiu em sua cara.

O evento estava ocorrendo em Las Colinas, no Texas, Estados Unidos. Tinham cerca de 30 pessoas presencialmente, mas também estava sendo transmitido ao vivo em sua página no Facebook.

Segundo o cantor falou para CoS, em determinado momento uma mulher subiu no palco, passou entre todos os seus equipamentos, parou atrás dele e pediu para ele cantar uma música de outro artista. Foi então que o cantor pediu para que ela se afastasse um pouco, por conta do risco de transmissão do novo coronavírus. A mulher não gostou, e reagiu de uma maneira um tanto quanto inusitada.

LEIA TAMBÉM: Luísa Sonza pede sugestão de tatuagem após fãs verem “rosto” de Bolsonaro no cotovelo

Clayton Gardner contou que ficou indignado com o comportamento da mulher: “Eu prefiro ficar em casa, mas infelizmente tenho que fazer alguns shows para pagar minhas contas. Eu escolhi levar esse vírus a sério para me proteger e proteger quem eu amo. Esse é o meu direito, e eu não dou a mínima para o que as pessoas pensam sobre isso.

Gardner também falou que a mulher entrou em contato com ele logo após o ocorrido: “Ela me enviou um longo pedido de desculpas, e eu aceitei. Ela cometeu um erro. Todos nós cometemos erros”, finalizou o artista.

Assista ao vídeo: