backstreet-boys
O grupo Backstreet Boys (FOTO: Divulgação)

O DJ Steve Aoki e os Backstreet Boys resolveram unir forças no videoclipe de “Let it be Me”, divulgado nesta segunda-feira (dia 9).

VEJA TAMBÉM: “Alguém liga para a bunda daqueles garotinhos?”, dispara 50 Cent sobre as acusações de pedofilia de Michael Jackson

O quinteto e o produtor aparecem em meio a histórias de superação contadas no videoclipe e o cantor Brian acaba se emocionando.

No vídeo, Nick, AJ, Howie, Kevin, Brian e Aoki ouvem depoimentos de uma lésbica rejeitada pela família, um deficiente auditivo que se sentia ignorado pela sociedade, uma trans e também um pai de família que precisou enfrentar o câncer cerebral da esposa.

VEJA TAMBÉM: Anitta comenta sua depressão e sobre ser bissexual: “Sempre gostei de garotas”

Assista abaixo:

Essa música tem uma bela mensagem e se relaciona com diferentes tipos de pessoas que superaram obstáculos quando se ama alguém, e love sempre vence no final. Estou muito orgulhoso dessa música e eu sei que vai tocar muitas pessoas”, declarou o DJ e produtor ao site Entertainment Tonight.

A inusitada parceria surgiu de um encontro nos bastidores da residência dos Backstreet Boys em Las Vegas. “A música nasceu de maneira natural. A mensagem é uma que achamos que vai se aproximar de todos. É sobre superar os desafios que a vida te dá e estar com a pessoa que você ama. E a importância dessa mensagem é algo que a gente realmente quis passar no clipe com casais contando essas histórias reais”, afirmou o grupo.