(FOTO: Reprodução)

No último domingo (23), Anderson Amaral, cantor de uma banda de pagode de Guarabira, se envolveu uma briga onde foi esfaqueado e morreu dentro do próprio carro, na tentando chegar ao hospital. Segundo informações da Polícia Militar, Anderson tentou dirigir ferido até o hospital regional de Sapé, mas não resistiu e morreu nas imediações da unidade de saúde.

O crime, que abalou moradores, aconteceu na cidade de Sapé, que fica localizada a 42 km do município de João Pessoa, capital do estado da Paraíba. De acordo com informações fornecidas pela Polícia Militar, que foi chamada até o local para atender à ocorrência, Anderson estava no centro da cidade quando foi assassinado.

Anderson Amaral era cantor de uma banda de pagode de Guarabira (FOTO: Reprodução)

Ainda de acordo com informações repassadas da Polícia Militar em Sapé, a vítima entrou em uma discussão com o suspeito em um “espetinho” no Centro da cidade no fim da noite de sábado. Após discussão, a vítima entrou no carro, chegou a sair do local, mas retornou para discutir novamente com o suspeito.

LEIA TAMBÉM: Anitta sobre ameaça de Bolsonaro a jornalista: “Ignorância mental e de falta de intelecto”

Após retornar, ele acabou trocando agressões físicas com o suspeito e nessa briga foi esfaqueado. De acordo com registro da PM, Anderson Amaral seguiu ferido até o Hospital Regional de Sapé, mas não resistiu aos ferimentos e morreu dentro do carro.