elvis presley
O astro norte-americano Elvis Presley (FOTO: Reprodução)

Dizer não a Elvis Presley quando ele pediu para fazer um cover de um de seus maiores sucessos foi uma das coisas mais difíceis que Dolly Parton já teve que fazer.

A lenda do country acabou com os planos do falecido cantor de gravar uma versão de sua balada ‘I Will Always Love You’ na década de 1970, porque o empresário de fala dura de Elvis, Coronel Tom Parker, insistiu em obter metade dos lucros de publicação se seu cliente lançasse a faixa.

Dolly admitiu que sua inteligência para os negócios entrou em ação e ela sabia que precisava recusar o Rei, mas não foi fácil.

dolly parton
A lenda country norte-americana Dolly Parton (FOTO: Reprodução)

“Essa foi uma das coisas mais difíceis que já tive de fazer porque amava Elvis”, Dolly disse à Billboard em uma nova entrevista.

“Esse era meu copyright mais importante na época. Se fosse uma música nova, eu poderia ter considerado”, ela contemplou.

Dolly então deu crédito ao pai por incutir nela um forte senso de responsabilidade financeira.

VEJA TAMBÉM: Ex-stripper, Cardi B revela ter dado “sentada violenta” em cliente: “Quebrei o nariz”

Ela acrescentou: “Embora meu pai não tenha recebido educação, meu pai era muito inteligente em fazer negócios e barganhar e como ele criou uma família como ele fez.” Revelando que ainda pode ouvir Elvis Presley cantando sua música em sua mente, Dolly disse que o rei do pop teria sido uma voz natural para a música: “Ele teria cantado muito bem”, ela sugeriu, “Você pode imaginar Elvis cantando I Will Always Love You?”

A faixa foi gravada duas décadas depois por Whitney Houston para a trilha sonora de The Bodyguard e se tornou um grande sucesso internacional.