Cardi B
A rapper norte-americana Cardi B (FOTO: Reprodução)

A rapper Cardi B e o político Joe Biden tiveram uma franca discussão sobre Covid-19, brutalidade policial e a próxima eleição presidencial dos Estados Unidos em uma entrevista feita em parceria com a revista Elle. A conversa acontece antes da Convenção Nacional Democrata desta semana. Através do Zoom, Biden começou perguntando quais medidas políticas nas eleições de 2020 são mais importantes para a estrela do hip-hop.

“Tenho uma lista completa de coisas que quero, desejo e desejo que nosso próximo presidente faça por nós”, disse ela. “Mas primeiro e primeiro, eu só quero Trump fora…eu não quero que mintam. Estamos vivendo em uma pandemia agora e só quero respostas. Quero saber quando isso acabar, quero voltar para o meu trabalho, quero poder sair, quero não sentir que estou presa em minha casa. Mas não quero que alguém minta para mim e me diga que não há problema em sair, não há problema em não usar máscara…Quero um cronograma para que possamos melhorar. Quero que um presidente nos diga os passos para melhorarmos.” Cardi, que apoiou abertamente Bernie Sanders durante as primárias democratas, também reiterou seu apoio ao projeto MediCare for All que visa ampliar o acesso a saúde aos cidadãos norte-americanos- “porque veja o que está acontecendo agora” – disse a artista também defendendo educação universitária gratuita e “que os negros parem de ser mortos”.

“Eu só quero leis mais rígidas que sejam mais justas para os cidadãos negros e para os policiais também”, disse ela. Biden encorajou os membros da base de fãs da geração millenial de Cardi B (entre os 18 e 24 anos) a saírem para votar, observando que uma porcentagem maior de jovens votando em 2016 poderia ter levado Hillary Clinton à vitória. Os dois também discutiram a redução de cortes em programas extracurriculares e outras iniciativas que ajudariam comunidades carentes. Cardi B disse que dependeu de programas de merenda escolar durante o ensino fundamental e que teve dificuldade em pagar as refeições básicas durante a faculdade. “Eu não tinha dinheiro para ir ao McDonald’s no meu horário de almoço”, disse ela. “Isso é tão importante, financiar os alunos enquanto eles estão na faculdade, porque eles ficam muito desanimados.”

LEIA TAMBÉM: Parceria? Manu Gavassi posta vídeo misterioso ao som de Gloria Groove