Cee Lo Green
O cantor norte-americano Cee Lo Green (FOTO: Divulgação)

Nesta segunda-feira (dia 06), foram divulgados os nomes dos conselheiros dos técnicos da 15ª temporada da versão estadunidense do The Voice. Com as gravações na fase das batalhas, um antigo jurado do programa voltou a tona: o cantor Cee-Lo Green.

O cantor, vale lembrar, foi jurado de quatro temporada do reality musical e mais recentemente fez um show no Brasil com IZA realizado na última edição carioca do Rock in Rio.

O técnico Adam Levine é quem irá poderá contar com uma “mãozinha” especial de Cee-Lo Green.

Já Blake Shelton que é o jurado com mais vitórias na história do reality contará com os conselhos do cantor country Keith Urban, que vale lembrar já foi jurado do American Idol.

Já a cantora revelada no American Idol, a retornante Jennifer Hudson terá a ajuda da cantora Halsey (do hit “Closer” dos The Chainsmokers).

Já Kelly Clarkson, atual jurada vencedora do programa e primeira vencedora do American Idol contará com os conselhos do cantor country Thomas Rhett.

A 15ª temporada do The Voice EUA tem estreia marcada para o dia 24 de setembro, no canal NBC nos Estados Unidos.

Adam Levine critica MTV e depois deleta mensagem pedindo desculpas

O vocalista do Maroon 5, o cantor Adam Levine, se meteu numa confusão neste fim de semana. O artista norte-americano usou as redes sociais para demonstrar sua indignação pelo clipe de “This Is America” de Childish Gambino não ter sido indicado em nenhuma das categorias da premiação MTV Video Music Awards 2018.

Confira abaixo a mensagem:

“Esse ano, Childish Gambino lançou um dos vídeos mais impactantes, provocantes e inteligentes que já foram feitos. Eu estou certo de que ele não liga que ele não foi indicado para um VMA porque ele é, legal, foda e tudo mais. Mas eu ligo. Porque eu NÃO sou legal assim. E eu ainda quero que a MTV ainda signifique algo. Mas não vai. Nunca. Tchau” escreveu Adam Levine.

VEJA TAMBÉM: Dua Lipa apaga postagem no Twitter após irritar fãs de música eletrônica

O problema é que o vocalista do Maroon 5 não tinha conhecimento de que “This Is America” de Childish Gambino foi nomeado sete vezes para a premiação. Avisado pelos fãs, Adam Levine percebeu a gafe e apagou a publicação, pedindo desculpas com uma nova postagem.

“Merda. Eu geralmente não coloco meu pé na minha boca. Mas dessa vez, eu coloquei. ‘This Is America’ na verdade FOI indicado para 7 VMAs. Como eu não sabia a informação correta, agora eu corrijo. Me desculpe MTV. Ainda odeio seu pensamento, mas no mais, me desculpe”.

O cantor também chegou a postar um vídeo com um pedido de desculpas a MTV:

My bad. ?

Uma publicação compartilhada por Adam Levine (@adamlevine) em

A banda Maroon 5 também foi indicada ao prêmio, com o vídeo de “Wait”, em “Melhores Efeitos Especiais”.

O MTV Video Music Awards 2018 acontece no dia 20 de agosto, em Nova York, tendo Cardi B, Beyoncé e Jay-Z como os maiores indicados e Jennifer Lopez como uma das maiores homenageadas da noite. O evento contará com performances de Shawn Mendes, Ariana Grande e do rapper Logic com Ryan Tedder (da banda One Republic).