Charlie Brown Jr.: Chorão já deu prótese de 42 mil dólares a skatista amputado

O músico completaria 51 anos em 2021

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Na próxima quinta-feira (8), estreia o documentário “Chorão: Marginal Alado”, que retrata a vida e a carreira do lendário líder do Charlie Brown Jr. No filme, o guitarrista Thiago Castanho lembra quando o cantor deu uma prótese de US$ 42 mil ao skatista Bruno Souza, que perdeu a perna em um acidente.

“Você não via o Chorão dizer que tinha uma ala enorme [que ajudou a construir] em um hospital de Barretos. Ou que deu uma perna de fibra de carbono para um skatista”, diz Thiago Castanho na obra.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Como o skatista conheceu Chorão?

Em entrevista ao Splash, do UOL, Bruno Souza revelou que conheceu Chorão por intermédio de um amigo em 2017, quando tinha 19 anos. Ele já disputava campeonatos de skate em Curitiba e era grande fã de Charlie Brown.

Na época, ele não estava satisfeito com a prótese que usava. Bruno perdeu a perna em um acidente com uma máquina de moer soja na fazenda do avô, aos 3 anos.

Bruno Souza e Chorão (FOTO: Reprodução/Splash)

Quando conheceu o músico, o skatista pediu para que ele divulgasse sua história. Ele pensava que alguém pudesse se solidarizar e ajudá-lo a comprar uma prótese melhor. “Ele disse para mim: ‘Eu quero ter a moral de pagar o bagulho para você’. Não imaginava que ele tiraria a grana do próprio bolso. Foi emocionante”, contou Bruno.

VEJA MAIS: Amado Batista põe à venda suas fazendas por R$ 350 milhões!

“Era linda. O encaixe era de fibra de carbono, algo que eu nunca havia usado. Foi f***. O skate ficou em outro nível. É diferente ter uma parada que não te machuca e dá segurança”, revelou o skatista. A prótese valia US$ 12 mil e, somada à taxa de importação da Alemanha, custou US$ 42 mil (o que atualmente equivale a R$ 235 mil).

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio