anitta
A cantora fluminense Anitta (FOTO: Reprodução)

Os frequentadores do Coachella vêm se questionando sobre qual será o destino do festival de música em 2020. A dúvida vem à tona após o Ultra Music Festival e o Tomorrowland da França terem sido cancelados por causa dos riscos de surto de coronavírus. O festival Glastonburry atualmente passa pela mesma avaliação e seus frequentadores estão em dúvida se o badalado evento europeu também irá acontecer neste ano.

Vale lembrar que políticos e representantes do Ultra de Miami se encontraram no dia (4 de março) para uma reunião, com o prefeito Francis Suarez e o comissário Joe Carollo afirmando a repórteres antes da reunião que eles decidiram adiar o evento, possivelmente por quase um ano inteiro.

Resultado de imagem para COACHELLA

Já sobre a versão francesa da Tomorrowland, organizadores do festival anunciaram na quinta-feira (5 de março) o cancelamento do evento que ocorreria no inverno de 2020 (entre os dias 14 e 21 de março) na estação de esqui alpino francesa de Alpe d’Huez Grand Domaine Ski.

VEJA TAMBÉM: A confissão chocante de Amy Winehouse momentos antes de sua morte

O Coachella ainda não se manifestou oficialmente se pretende cancelar ou alterar sua agenda dos dois finais de semana. Segundo o planejado, o evento ocorrerá de 10 a 11 de abril e de 17 a 18 de abril.

Na edição de 2020, vale lembrar, a funkeira Anitta está programada para se apresentar no palco principal do festival, enquanto Pablo Vittar também se apresentará novamente no evento. A drag maranhense, aliás, fez um show na Australia e passeou pelo país usando uma máscara de ar para se proteger do contágio do vírus.

(FOTO: Facebook)

GLASTONBURY

Os chefes do badalado festival europeu Glastonbury também se recusaram a confirmar se o famoso evento irá ou não continuar este ano em meio a temores do surto. Os rumores de que o evento seria cancelado começaram a circular, e os organizadores divulgaram um comunicado nesta semana.

No entanto, eles disseram que, nesta fase, não podem confirmar se o festival definitivamente vai acontecer na data marcada ou se será cancelado em 2020. Os chefes dizem que estão trabalhando com as autoridades e mantendo o foco da decisão na segurança pública. O comunicado foi divulgado faltando 16 semanas para o evento acontecer.

Este ano marca o 50º aniversário do festival de Glastonbury.