cher
A cantora norte-americana Cher (FOTO: Reprodução)

A icônica cantora e atriz Cher chegou ao Paquistão para visitar o “elefante mais solitário do mundo” depois que sua campanha ajudou a libertá-lo de um zoológico em situação precária para um novo lar.

Kaavan é um elefante macho de 35 anos com excesso de peso – cuja situação atraiu os olhares da cantora, e uma condenação internacional qual destacou o estado lamentável do Zoológico de Marghazar.

Cher vai se juntar às celebrações de sua libertação do zoológico para um santuário no Camboja, mas por causa de questões de segurança, sua programação não foi divulgada.  

No entanto, ela se encontrou com o primeiro-ministro Imran Khan nesta sexta-feira (27) e deve visitar Kaavan no final da viagem, de acordo com o gabinete do primeiro-ministro.

Na foto: a icônica cantora e atriz Cher se encontra com o primeiro-ministro do Paquistão, Imran Khan, em Islamabad, na sexta-feira, antes da libertação de Kaavan - os elefantes mais solitários do mundo - para quem Cher e outros ativistas dos direitos dos animais fizeram campanha para ser libertado de um zoológico de terror

VEJA MAIS: Traição? Saiba o que rolou entre Gusttavo Lima, Andressa Suita e Rafa Kalimann

O elefante adoeceu em um zoológico por 35 anos e perdeu seu parceiro em 2012. Ele foi diagnosticado por veterinários como acima do peso e desnutrido no início deste ano, e também sofre de problemas comportamentais.  Ele ainda vai precisar de anos de recuperação após sua mudança

Martin Bauer, da Four Paws, disse à Associated Press hoje (27): ”Graças a Cher, mas também aos ativistas locais do Paquistão, o destino de Kaavan ganhou as manchetes em todo o mundo, e isso contribuiu para facilitar sua transferência.’

Mesmo depois de estar no Camboja, ele precisará de anos de assistência física e até psicológica, disse Bauer.

A alta corte do Paquistão ordenou em maio o fechamento do Zoológico Marghazar na capital Islamabad, onde Kaavan viveu por grande parte de sua vida.