demi-lovato-2
A cantora Demi Lovato (FOTO: Reprodução)

Demi Lovato deu sua primeira entrevista depois de ter sofrido uma overdose em julho de 2018 e ter passado meses numa clínica de reabilitação.

A cantora participou de um evento dedicado ao mundo pop e a conversa foi publicada pela revista ‘Teen Vogue’, no último sábado (dia 2). No bate-papo, Demi Lovato abordou um tema que ela costuma comentar com frequência: autoaceitação do próprio corpo.

A estrela pop assume que tem muitos problemas com sua forma física e que se esforça para fazer o possível e se manter saudável.

VEJA TAMBÉM: MC Gui é acusado de maltratar outra criança com câncer

“Para ser honesta, não vejo meu corpo de maneira positiva o tempo todo. Às vezes, não gosto do que eu vejo. Não preciso mentir para mim mesma e dizer que tenho um corpo incrível. Tudo o que tenho a dizer é: ‘Estou saudável’. Sou grata pela minha força e pelas coisas que posso fazer com meu corpo. Estou dizendo que sou saudável e aceito o meu corpo, hoje, sem mudar nada”, disse ela.

A cantora lembra que já enfrentou distúrbios alimentares e conta, até mesmo, que optou por diminuir o ritmo dos exercícios físicos em outubro. A razão? Percebeu que poderia estar tomando, mais uma vez, um caminho obsessivo.

Por muitos anos eu lidei com um distúrbio alimentar. O que eu nunca admitia para mim mesma era que, sempre que eu estava na academia, fazia isso de maneira radical. Acho que foi isso que me levou a um caminho mais sombrio”, disse.

A artista completa: “O que vejo no espelho é alguém que já superou muita coisa. Eu já passei por muita coisa e realmente me vejo como uma lutadora. Não vejo uma vencedora de um campeonato, mas uma lutadora e alguém que continuará lutando, não importa o que seja jogado em seu caminho. Eu jamais mudaria a direção da minha vida. Amo a pessoa que sou hoje e não me arrependo de nada”.