Demi Lovato diz que temeu perder a carreira ao abandonar “imagem sexy”

Artista falou sobre abrir mão de rótulo de 'mulher fatal' ao se assumir como pessoa não-binária

Publicado em 10/6/2021
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Demi Lovato se abriu sobre viver a própria verdade como pessoa não-binária no episódio mais recente de seu podcast, o “4D”. Em conversa com Patricio Manuel, o primeiro boxeador transgênero a lutar profissionalmente nos Estados Unidos, Lovato falou sobre como se sentia desconfortável com a pressão de vender a imagem de “estrela sexy”.

“Eu tinha tanto medo de como minha carreira seria se eu não fosse aquela pop star super sexy e hiperfeminina”, confessou. “Agora, minha carreira não importa tanto para mim quanto viver minha verdade”, declarou Demi.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

VEJA MAIS: Girl From Garopaba? Gabriel O Pensador lança hit com produtor de Anitta inspirado em namorada

A voz de “Dancing With The Devil” acredita que abraçar sua verdadeira identidade tornou sua música autêntica.  “Eu sei o que é ter o seu sonho parecendo que pode te interromper, mas é exatamente o oposto. Agora que estou vivendo minha verdade, minha arte se tornou muito maior, porque minha arte é um reflexo de quem eu sou. Agora que posso ser transparente com o mundo, eles podem ver minha arte melhor e ouvi-la melhor”, contou.

Patricio Manuel também falou sobre a importância do boxe para sua identidade transgênera. “Eu sabia quem eu era sem ninguém me dizer. OK, talvez se eu não puder me tornar um homem, ficarei confortável em ser masculino”. Demi Lovato já treinou boxe e disse que o esporte ajudou a alcançar mais de seu lado masculino.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio