Demi Lovato
A cantora Demi Lovato (FOTO: Reprodução)

A permanência da cantora Demi Lovato num hospital em Los Angeles após uma suposta overdose pode estar chegando ao fim. Segundo fontes do site TMZ, a artista poderá receber alta ainda nesta semana e ficar livre para seguir direto para uma clínica de reabilitação.

Uma informação importante revelada pelo veículo é que a internação da cantora em uma clínica de reabilitação seria uma condição para que Demi Lovato não perdesse grande parte dos profissionais que a cercam. Preocupadas com a saúde da artista, muitas das pessoas que a cercam revelaram que só continuarão a trabalhar com Demi Lovato se a cantora optar por uma estadia numa clínica de reabilitação para receber tratamento. Uma fonte citada pelo TMZ explicou: “Ela pode morrer se não for [para reabilitação], e isso não vai acontecer sob minha observação e não fizermos nada.”

VEJA TAMBÉM: Em vídeo Katy Perry canta para pequena fã diagnosticada com tumor no cérebro

A equipe da Demi Lovato acredita que este envolvimento recente dela com as drogas e estas complicações seguintes serão o suficiente para que ela mesma decida seguir para a reabilitação e procure tratamento.

Demi Lovato está “muito doente” com náuseas e febre alta segundo TMZ

Informações recentes obtidas de forma extra-oficial sugeriam que a saúde da Demi Lovato já estaria bem melhor desde sua internação na última terça-feira (dia 24). Porém, agora o site TMZ publicou nesta segunda-feira (dia 30) que a cantora segue “muito doente” num hospital em Los Angeles.

De acordo com o veículo americano, a cantora está vem sentindo náuseas extremas e febre alta e por causa disso segue internada no hospital Cedars-Sinai Medical Center.

Somente familiares e o ex-namorado Wilmer Valderrama mantém contato com a cantora, que no momento da emergência preferiu não revelar aos paramédicos qual substância utilizou. Primeiramente, foi noticiado heroína e depois, outras versões passaram a mencionar opioides. Também permanecem as dúvidas se Demi sofreu ou provocou a própria overdose, que teria ocorrido após uma noite de festa para comemorar o aniversário de uma dançarina de sua equipe. Segundo relatos, Demi Lovato teria passado a noite bebendo apenas vodka. A dançarina aniversariante que vinha sendo acusada por fãs de ser responsável pela overdose da artista já desmentiu sua participação no incidente da cantora.

A fonte que vaza informações para o TMZ contou que os médicos ainda não tem previsão de alta para Demi. “Ela está sob os cuidados de especialistas e espera-se uma recuperação completa”, diz a fonte fofoqueira. Quando ela deixar o hospital, ainda é incerto se vai preferir dar entrada em uma clínica de reabilitação ou continuar sua agenda de shows, com compromissos na América Latina.