Descubra os detalhes obscuros da relação trágica de Michael Jackson com seu pai

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Michael Jackson foi um dos artistas mais famosos de sua época. Ainda assim, sua educação não foi um passeio no parque, apesar de que o levou a uma fama enorme. Acontece que Michael tinha um relacionamento seriamente tenso com seu pai, Joe Jackson, e só anos depois é que o público soube como Joe realmente era como pai.

(FOTO: Reprodução)

VEJA MAIS: Empresário se arrepende de festa na casa de Elba Ramalho: “Pedi desculpas”

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Joe e sua esposa, Katherine Jackson, tiveram 10 filhos no total, embora seu filho Brandon tenha morrido logo após o nascimento. Joe e Katherine criaram seus nove filhos estritamente, e rumores sobre o abuso de Joe contra seus filhos só começaram a vir à tona depois que as crianças eram muito mais velhas. O filho de Joe, Jermaine Jackson, escreveu um livro de memórias sobre os Jacksons, onde revelou as ações de seu pai. Ainda assim, Jermaine justificou muito do que seu pai fez.

Joe Jackson foi um artista de blues que nunca fez sucesso sozinho. Ele queria esse sucesso para seus filhos e isso moldou suas técnicas agressivas de criação de filhos. Joe não deixou seus filhos se socializarem quando eram mais jovens, incluindo Michael, que era um membro da banda de sua família tão jovem que nunca teve a chance de fazer amigos – mesmo em seus primeiros anos de escola. De acordo com o The Guardian, Joe exigia que seus filhos ensaiassem por pelo menos cinco horas todos os dias, sem lhes dar tempo para construir relacionamentos com pessoas fora de sua família.

(FOTO: Reprodução)

A proibição da socialização estava apenas arranhando a superfície das ações de Joe em relação ao filho. Ele batia em Michael Jackson com um galho de árvore se ele errasse uma letra ou dançasse fora do compasso, e não havia exceções para seus outros filhos também.

The Guardian relata que Joe não interrompeu o abuso quando os ensaios terminaram. Ele teria agredido seus filhos com uma fivela de cinto, queimá-los com uma chaleira e outras punições severas quando eles estavam fora da linha. A ascensão dos Jacksons à fama só piorou as coisas, se é que piorou, já que Joe ficou tão envolvido na ideia de sucesso que era quase impossível para ele ser um pai normal. Jermaine lembra que seu pai nunca “abraçava” seus filhos ou dizia “eu te amo”.

Há muito tempo existem rumores sobre o nariz de Michael Jackson e o grande número de cirurgias que ele teria feito para obter uma certa aparência. Michael começou a desenvolver inseguranças em torno do nariz desde muito jovem e, assim que o pai percebeu, começou a zombar da aparência do filho. Ele até o chamou de Nariz Grande, o que levou Michael a começar a cobrir o nariz com o rosto sempre que possível.

Michael afirma que ele só teve duas rinoplastias ao longo de sua vida, mas de acordo com Allure, um especialista médico disse que, com base na aparência do nariz de Jackson, era provavelmente mais perto de 20. Houve até rumores de que Jackson teria que usar uma prótese nasal depois de tantas cirurgias resultou em não haver como manter o nariz no rosto.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio