DJ Ivis tem habeas corpus negado e foto na prisão circula na internet

Publicado em 19/7/2021
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Iverson de Souza Araújo, conhecido como DJ Ivis, está preso desde a última quarta-feira (14) e foi encaminhado para Unidade Prisional Irmã Imelda Lima Pontes, em Aquiraz, no Ceará. Ele deverá permanecer na prisão por tempo indeterminado e ficará a disposição do Poder Judiciário, de acordo com o colunista Leo Dias. Se condenado, poderá pegar até três anos em regime aberto ou semiaberto.

(FOTO: Reprodução)

Nesta segunda-feira (19), uma foto de DJ Ivis com a cabeça raspada na prisão passou a circular depois que a Justiça negou o pedido de habeas corpus do produtor musical. Ele foi detido na semana passada pelas agressões contra a ex-mulher Pamella Holanda.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

(FOTO: Reprodução/Metrópoles)

DJ Ivis mostrou foto íntima da ex-mulher para amigo e puxou faca em briga

Pamella e Ivis começaram a namorar em 2019 e foram morar juntos em janeiro de 2020. “Quando comecei a morar com ele, ele já começou a me agredir. Começou verbalmente: palavrão, grosserias. Eu estava grávida de cinco para seis meses. Me segurou pelo pescoço e foi me arrastando do corredor até o sofá… Teve outras. Time medo, vergonha, eu tava realizando um sonho, eu tava grávida. Sempre quis ser mãe”, contou ela.

(FOTO: Reprodução/Rede Globo)

Pamella deu à luz a Mel em outubro do ano passado e as agressões não pararam. Em vídeos que foram divulgados na internet, ela chega a ser agredida na frente da filha de poucos meses. Ela contou que a mãe ficou tão chocada que mesmo estando presente, não teve reação ao ver a filha sendo agredida: “Ele me agride com a blusa, depois veste e começa a falar várias coisas. Eu insisto muito e vou no carrinho para amamentar ela. Aí, é a hora que ele me puxa meu cabelo, me bate e esbarra no carinho. Os médicos recomendavam para a neném, mas ele não queria de jeito nenhum porque dizia que ela ia pegar covid. [Minha mãe] pediu para ele não fazer. Ela só conseguiu fazer isso”.

A agressão em fevereiro desse ano foi motivada após Ivis mostrar uma foto íntima dela para um amigo. “A gente começou a discutir porque ele mostrou uma foto minha íntima para o Charles. Ele me agride e vou pra cima dele, mas ele se esquiva. Quando eu dou as costas, ele me dá um soco, um chute. O soco nas costas eu fiquei sem respirar”. Quando se mudaram para uma nova casa, em Eusébio, no Ceará, ela o chamou para discutir sobre uma suposta traição e Ivis se irritou. “Ele começou a me socar as costas, me chutou nas minhas pernas. Não lembro se lembro nessa hora que tentei me defender e o soco pegou no meu olho ou se foi uma cotovelada”, essa foi a gota d’água para Pamella denunciar as agressões. Nesse dia, uma babá estava em seu primeiro dia de trabalho presenciou tudo e foi demitida por Ivis.

CONFIRA TAMBÉM: Após agredir ex, DJ Ivis aparece chorando pedindo desculpas

Não acabando por aí, no dia seguinte uma nova briga aconteceu e, dessa vez, Ivis pegou uma faca. “Desci umas 10h, quase 11h para poder fazer o leite dela e já começou a discutir. A funcionária dele também estava na hora na cozinha. Foi na hora que ele pegou uma faca na gaveta da cozinha. A funcionária dele foi e segurou braço dele”, contou adicionando que em seguida saiu correndo e pediu ajuda de funcionários do condomínio. Foi acionada a polícia e Ivis imediatamente negou as agressões. Pamella acabou não registrando um b.o pois estava com muito medo, entretanto, no dia seguinte voltou à polícia e passou por corpo de delito. “Se fosse só a fala dele contra a minha, ninguém ia acreditar. Ele é famoso, conhecido… Ninguém imaginava que era assim. Ele acabava de brigar comigo e saia para o ensaio”, revelou ela.

DJ Ivis foi preso nesta última quarta-feira (14) e transferido para o presídio Irmã Imelda Lima Pontes, em Fortaleza. Ele responde por dois inquéritos por agressão à ex-mulher.

Pamella, que foi agredida por DJ Ivis, diz ter sofrido “ameaças de morte”

Pamella Holanda, de 27 anos, chocou o Brasil na noite deste domingo (11) após divulgar vídeos sendo agredida por seu então marido, o DJ Ivis. Em determinados momentos, as imagens mostram uma mulher presenciando a agressão e muitos questionaram quem ela era e o porquê dela não sair em defesa da influenciadora.

Neste sábado (17), a estudante de arquitetura se pronunciou e revelou que não está bem, e está sendo ameaçada de morte: “Não saí com com conta recheada, com bolsa de marca, nem aparelho celular de última geração. Não dei um golpe, e eu o conheci e ele não tinha nada. Eu o amei de verdade. Tudo que for de competência da Justiça vai ser feito. Não estou bem, tenho sofrido ameaças de morte. Já li de outras mulheres que mereço que mereço passar fome. Eu e minha filha. Preciso de paz. Mereço paz”, escreveu.

Na tarde desta segunda-feira (12), Pamella foi aos Stories do Instagram esclarecer que a mulher em questão é a mãe dela. “Eu só quero deixar claro que nas imagens em que aparece outra mulher, essa mulher é minha mãe. Não era babá ou funcionária. Mas a minha mãe, me ajudando com minha filha.”

(FOTO: Reprodução)

CONFIRA MAIS: Xand Avião demite DJ Ivis após as acusações de agressão

DJ Ivis entra com liminar contra ex-mulher

Nesse domingo (11), DJ Ivis teria entrado com uma urgente liminar enquanto acontecia o plantão judiciário de Fortaleza para que sua ex-mulher, Pamella Holanda, apague os vídeos em que mostram imagens dele a agredindo. Além disso, ele também solicita que ela seja proibida de citá-lo por correr o risco de causar “danos gravíssimos a sua carreira”.

O produtor DJ Ivis, acusado de agredir a ex-esposa. (FOTO: Reprodução)

DJ Ivis alega na ação que Pamella recorreu a “sites de fofoca para difamá-lo”, segundo a coluna de Leo Dias. O produtor musical ainda requer a proibição de divulgação na internet de imagem, vídeos e posts de Pamella sobre ele. Ele deseja que todas as acusações sejam resolvidas apenas no judiciário, sem que haja divulgação dos fatos.

CONFIRA MAIS: Pamella Holanda se pronuncia sobre as agressões de DJ Ivis

Após ex-mulher expôr agressão, novas denúncias surgem contra DJ Ivis

De acordo com a coluna de Leo Dias, no site Metrópoles, mais informações sobre o comportamento de DJ Ivis estão vindo à tona. Este que já está atualmente envolvido em um caso de denúncia por ter agredido sua ex-mulher, Pamella Holanda, tem um histórico de maus tratos em relação aos outros. Diversos outros relatos estão surgindo. No meio artístico, ele já era conhecido por ser arrogante e agressivo com produtores, compositores e equipe.

(FOTO: Reprodução)

Gustavo Tubarão foi um dos relatores, “Eu vi o DJ Ivis humilhando um segurança do meu lado na gravação do DVD do Nattan. Eu quase fui embora na hora, me deu um nojo da arrogância daquele cara. Agora, o machão arrogante acaba de espancar uma mulher”, contou através de seu perfil no Twitter.

DJ Ivis já agrediu outras mulheres, segundo outros relatos. Uma produtora de eventos de Fortaleza, que não quer ser identificada, foi uma das pessoas a testemunharem: “Nas vezes em que encontrei o DJ Ivis, ele foi super ignorante e agressivo. Uma certa vez, ele queria entrar no camarim e estava sem pulseira de acesso. Pedi aos seguranças para o barrarem. Ele veio tirar satisfações comigo, me empurrou e caí no chão. Isso já era comum de acontecer quando ele nem era famoso. Em outro evento, ele tentou agredir a mim e a minhas funcionárias. Fizemos um boletim de ocorrência contra ele”, contou ela.

LEIA MAIS: Juliette, Duda Beat, Pocah e outros artistas se manifestam contra DJ Ivis

Pamella Holanda se pronuncia sobre as agressões de DJ Ivis

Na manhã desta segunda-feira (12), a ex-esposa de DJ Ivis, Pamella Holanda, resolveu utilizar o seu Instagram pessoal para se pronunciar sobre as agressões sofridas em seu relacionamento. A mesma rede social em que ela havia utilizado para expor os vídeos e revelar o seu pesadelo. Pamella Holanda agradeceu todo o apoio que vem recebendo e tranquilizou a todos que, mesmo que ela não esteja bem, ela e sua filha se encontram seguras. Dispara ela: “Hoje o meu choro é de alívio por ter certeza que Deus está com a gente, que nunca mais vou viver o que vivi e que não preciso mais fingir pra ajudar ninguém. Não existe fama, status, dinheiro, posição social, contato ou influência que permita ele de ficar impune”.

“Sem apoio até dos que se diziam estar ali pra ajudar, que eram coniventes e presenciavam tudo calados sem interferir com uma desculpa que eu tinha que aguentar calada porque era o ‘jeito dele ‘, era esse o’ temperamento dele ‘e que se eu quisesse viver com ele teria que me sujeitar e ser submissa”, continua Pamella revelando que, por muito tempo, ficou calada e sofria todo o drama apenas com a sua filha. Além disso, afirmou que nunca mais vai voltar a se calar sobre todas as agressões sofridas. Ela finaliza o seu pronunciamento com uma mensagem diretamente para DJ Ivis: “acabou a vida de videogame, a vida de novela, de comercial de margarina pra ganhar em cima. E você nunca foi um cara família, até por que você não sabe o que é ser uma”. A arquiteta e influencer ainda fez um apelo e pediu para que as pessoas não se calem, mas denunciem quando se verem diante situações como essas.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio